Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Portimão volta a receber, de 24 a 26 de Abril, o Campeonato da Europa UIM Endurance Aquabike e o Grande Prémio de Portugal do Europeu de Endurance das Aquabikes. É o oitavo ano consecutivo que a cidade recebe a jornada Internacional de Endurance em Motas de Água e o formato será o mesmo de 2014, aberto apenas para os Títulos Europeus nas categorias de GP1, GP2, GP3 e Veteranos, com a realização no dia 25 de 120 minutos para as Motas de Água, e outra manga no dia 26 com a duração de 180 minutos.
O padock principal ficará situado na Zona Ribeirinha, onde a confirmação das inscrições terá início na sexta-feira (dia 24), das 15h às 21h, no secretariado da prova, situado no Clube Naval de Portimão, ficando o dia seguinte para as respetivas verificações de segurança e a habitual reunião de pilotos, prevista para as 12h, na Sede do Clube Naval de Portimão. Depois dos preparativos, no Sábado (25 de Abril), a partida das Motas de Água será dada no areal da Praia da Rocha, pelas 15h30, em direção ao Carvoeiro, voltando para a direção da praia do Vau, Praia da Rocha, Praia da Marina e Carvoeiro, num total de 120 minutos de pura adrenalina, sendo os reabastecimentos e mudança de pilotos efetuados na Praia da Marina.
No domingo (26 de Abril) a largada das motas de água, será por volta das 11h30 para 180 minutos entre a Praia da Marina e Alvor, ficando a Cerimónia da Entrega de Prémios agendada para as 16h00 no Clube Naval de Portimão. Os pilotos das Motas de Água irão percorrer no total dos dois dias 470 quilómetros e em prova irão estar representados atletas de vários Países, sendo alguns deles Campeões Nacionais na modalidade Endurance, formando equipas de dois pilotos. Inscrita no calendário da U.I.M. – União Internacional de Motonáutica, esta prova única do Campeonato da Europa de 2015 é organizada conjuntamente pela Promotora Livre - Associação Náutica Motorizada e Câmara Municipal de Portimão, contando com o apoio técnico da Federação Portuguesa de Motonáutica e os apoios logísticos do Clube Naval de Portimão e da Marina Portimão. 

publicado às 12:59

Com o objetivo de promover as condições naturais de excelência do concelho para a prática desportiva e incrementar um estilo de vida mais saudável, o Município de Portimão, através da AMAL (Associação de Municípios do Algarve), aderiu ao European Cycling Challenge (ECC), a decorrer de 1 a 31 de Maio, integrando a Equipa Algarve. O European Cycling Challenge é uma prova coletiva e de caráter informal onde os cidadãos participam inseridos na equipa que representa o seu município ou região, direcionada para ciclistas urbanos nos seus trajetos diários, com fins não desportivos, como sejam deslocações utilitárias ou de passeio. A equipa que, no final do desafio, contabilizar a maior distância percorrida será a vencedora.
Esta iniciativa tem como propósito conhecer os hábitos ciclísticos de residentes e visitantes, nomeadamente os trajetos mais percorridos, e reunir informação capaz de influenciar a definição da estratégia de mobilidade local. Mais do que o número, o objetivo é aumentar o uso da bicicleta através de uma política centrada nas pessoas que leve à redução do uso do transporte individual motorizado.
A adesão ao ECC tem aumentado exponencialmente de ano para ano, já que passou de apenas sete cidades em 2012, para 12 no ano seguinte e 32 em 2014. No mesmo sentido, o crescimento nos ciclistas participantes subiu dos 700 no ano de estreia para 3000 em 2013 e 17 mil em 2014. A distância total percorrida também acompanhou o crescimento dos outros índices, subindo de 90 mil para 300 mil nos primeiros anos e atingindo no ano passado os 1,5 milhões de quilómetros. Segundo a organização do European Cycling Challenge, as viagens registadas na edição de 2014 permitiram uma poupança de 180 toneladas de dióxido de carbono.

publicado às 12:38

Foi inaugurado, no dia 14 de Abril, o Centro Municipal de Proteção Civil e Operações de Socorro, instalado no 2.º piso do Quartel dos Bombeiros de Portimão, numa cerimónia que foi presidida pela Ministra da Administração Interna, Anabela Miranda Rodrigues. O Centro pretende ser um espaço modelo no âmbito das competências da Proteção Civil no patamar municipal, uma vez que integrará num só espaço o Planeamento, a Sensibilização e Informação Pública, a Decisão Política e Operacional, a Logística e Sustentação das Operações e a capacidade de articulação entre os diversos Agentes de Proteção Civil locais, nomeadamente os elementos essenciais para a materialização da resposta operacional no âmbito da proteção e socorro.
Este Centro está dotado de espaço físico e recursos tecnológicos para albergar e apoiar a Comissão Municipal de Proteção Civil nas suas competências de coordenação institucional, quer na vertente política, assim como na coordenação operacional, estando igualmente preparado para servir as funções de uma organização diferenciada em situação de acidente grave ou catástrofe, por via da ativação do Plano Municipal de Emergência de Proteção Civil. “Portimão já tem um Centro Municipal de Proteção Civil e Operações de Socorro que é dos melhores centros municipais a nível nacional”, destacou a Presidente da Câmara Municipal de Portimão, Isilda Gomes, que revelou ainda que a instalação do Centro custou cerca de 60 mil euros, parte dos quais com aproveitamento de móveis e outros equipamentos provenientes dos outros edifícios municipais.
Este equipamento, já em funcionamento, passará a ser o centro nevrálgico da Proteção Civil Municipal, albergando o Serviço Municipal de Proteção Civil (SMPC), o Comandante Operacional Municipal (COM), o Comando e Estado-Maior do Corpo de Bombeiros, o Gabinete Técnico Florestal (GTF) e a Comissão Municipal de Proteção Civil (CMPC), e serve ainda as atividades da Comissão Municipal de Defesa da Floresta contra Incêndios (CMDFCI), o Conselho Municipal de Segurança e as Subcomissões no âmbito da proteção e socorro. A proximidade e articulação indispensável com o principal Agente de Proteção Civil e responsável pelo comando das operações de socorro – O Corpo de Bombeiros de Portimão – torna este espaço num facilitador da ação de proteção e socorro das pessoas, na salvaguarda do seu património e do ambiente.

publicado às 18:43

O programa das comemorações do 41.º aniversário do 25 de Abril, em Portimão, será marcado por momentos de reflexão e debate, onde a música e o desporto assumem um papel de relevo na evocação dos ideais da liberdade e democracia. A programação do vasto conjunto de atividades inicia-se no dia 20 de abril, com a abertura da terceira edição da feira do livro usado, «Há Livros no Mercado», uma organização do Clube de Leitura Manuel Teixeira Gomes e Município de Portimão, onde poderá, até ao dia 25, adquirir livros a um custo simbólico, a partir de 20 cêntimos, e cuja receita será canalizada para a compra de novas obras para a Biblioteca MTG.
A música e as palavras estão em evidência no dia 24, com o espetáculo dos alunos da Escola Eng.º Nuno Mergulhão, «As canções que contam o 25 da Abril», a decorrer às 10h, no âmbito do Plano Municipal para a Integração dos Imigrantes. Neste dia a Casa Manuel Teixeira Gomes promoverá duas reflexões, a primeira às 10h, com a portimonense Margarida Tengarrinha, sobre o «25 de abril e a liberdade», e a segunda, às 14h30, «Conversa à volta da Revolução de Abril de 1974», com o Coronel Carlos Branco. Destaque ainda, às 16h, para a intervenção no mural do Bairro Cruz da Parteira «Bairro Com (vida)», realizada pelos participantes no projeto Mergulha Por ti (mão) – Programa Escolhas. O dia 24 termina às 21h30, com a apresentação de «Cantares e Cenas de Abril», pelo Conservatório de Música de Portimão no TEMPO - Teatro Municipal de Portimão.
No dia 25 de Abril, as cerimónias oficiais têm início às 10h na Praça 1.º de Maio, fazendo parte do programa o hastear das bandeiras e a interpretação do hino nacional pela Banda Filarmónica da Sociedade Filarmónica Portimonense e Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Portimão, a que se seguirá a sessão solene, com as intervenções dos representantes dos partidos políticos com assento na Assembleia Municipal de Portimão, do respetivo presidente e da presidente da Câmara Municipal de Portimão, intercaladas por Momentos de Poesia, com a participação de alunos da Escola Júdice Fialho e Sons de Abril interpretados pelo Grupo Coral. O dia da revolução dos cravos termina, às 17h, no Teatro Municipal de Portimão, com a «Homenagem ao Cante Alentejano», pelo Ensemble Memórias de Abril.
Neste dia, o desporto tem destaque com a realização de duas provas internacionais, o Campeonato da Europa de Motas de Água, na Praia da Rocha, e o FIM CEV Repsol - campeonato internacional de motociclismo, que realiza a sua 1ª ronda da época no Autódromo do Algarve. A tradicional Corrida da Liberdade não faltará, este ano na 11ª edição, e juntará, a partir das 10h, na Zona Ribeirinha de Portimão, algumas centenas de atletas de todas as idades. 

publicado às 13:32

O Gabinete de Saúde Juvenil da Loja Ponto JA passa a facultar aos seus utentes, para além das consultas de Psicologia Clínica e Educacional, Avaliação e Prescrição de Atividade Física e Aconselhamento Alimentar, consultas de saúde global do jovem, onde se inclui o planeamento familiar. Os serviços de atendimento e aconselhamento são confidenciais, gratuitos e dirigidos a jovens dos 12 aos 25 anos.
As consultas de Psicologia Clínica e Educacional realizam-se às sextas, a Avaliação e Prescrição da Atividade Física às terças e o Aconselhamento Alimentar, que requer marcação, às quartas, todas na parte da tarde. Às terças, na parte da manhã, é realizado o atendimento sobre a Saúde do Jovem. A Loja Ponto JA de Portimão conta com oito anos de existência e desempenha um papel social fundamental na ocupação saudável dos tempos livres dos jovens, particularmente dos mais carenciados, sobretudo na faixa etária dos 12 aos 20 anos. Disponibiliza diversos serviços de interesse, com destaque para o acesso à Internet e a equipamento informático.

publicado às 20:32

O TEMPO – Teatro Municipal de Portimão apresenta, no dia 18 de Abril, às 21h30, a nova criação de Daniel Cardoso para a companhia de dança contemporânea Quorum Ballet. «Aristides» é uma homenagem a Aristides de Sousa Mendes, o cônsul de Portugal em Bordéus que, emitindo indiscriminadamente vistos de entrada em Portugal contra ordens expressas do Governo português, terá salvo a vida a dezenas de milhares de pessoas em fuga da invasão de França pela Alemanha Nazi, durante a Segunda Guerra Mundial.
Fazendo uso da já conhecida linguagem do Quorum Ballet, Daniel Cardoso é responsável pela coreografia, desenho de luz, espaço cénico e figurinos, quatro elementos que estão em sintonia e que levarão o espectador viajar no tempo. Ao longo de toda a peça vão caindo no palco folhas de papel que representam os vistos, enquanto os bailarinos, vestidos de Aristides, conjugam os movimentos com a banda sonora composta por Olafur Arnalds, Max Richter e Afex Twin, transmitindo sentimentos como o medo e a esperança.

publicado às 13:05

No dia 19 de Abril, os Monumentos Megalíticos de Alcalar serão palco de mais uma recriação «Um dia na pré-história», iniciativa integrada nas comemorações do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios. O evento organizado pela Câmara Municipal de Portimão, Museu de Portimão e Direção Regional de Cultura do Algarve, estende-se este ano ao território onde, há cinco mil anos, a comunidade de Alcalar desenvolveu as suas atividades, assumindo um caráter intermunicipal através de uma parceria entre os municípios de Portimão, Lagos, Monchique e as Juntas de Freguesia de Portimão, Alvor e Mexilhoeira Grande.
Para além dos tradicionais ateliês, que retratam o quotidiano alcalarense, onde o visitante pode testar a destreza de caçar, tecer, modelar cerâmicas, cultivar, ceifar, moer o cereal, até ao fabrico e cozedura do pão, o programa desta edição irá surpreender com um conjunto de atividades, no âmbito da arqueologia experimental, que serão novidade. O visitante terá a oportunidade de participar e assistir à preparação dos alimentos, desde o «desmanchar» de um porco, ao aproveitamento de toda a sua carne e ossos, até à sua confeção. Os mariscos, berbigão, ameijoa e o peixe fazem igualmente parte da ementa, que os mais curiosos poderão provar.
Sem fósforos nem facas, pela primeira vez no Algarve, a equipa especializada neste tipo de experimentação vai preparar os alimentos utilizando os instrumentos de pedra, fazer o fogo e cozinhá-los de formas diferentes, como se recuássemos cinco mil anos. Através da «soenga», vai perceber como se realizava o processo de cozedura ancestral da cerâmica, ficando igualmente a conhecer as práticas do talhe de líticos e outros materiais que possivelmente seriam usadas no fabrico das suas ferramentas, machados, pontas de setas, enxós e flechas, entre outros.
Não faltará a bebida e o saber do fabrico de cerveja tradicional, de acordo com a investigação já realizada sobre possíveis formas de produção desta bebida na época, também será colocado em prática. Será, por isso, um dia de experiências fundamentadas pelos estudos, já realizados sobre o território Alcalarense, e os trabalhos desenvolvidos por parte de investigadores das universidades de Stuttgart (Alemanha), Córdoba e pelo Centro de Arqueologia da universidade de Lisboa.
Para que a viagem no tempo seja uma realidade, vai haver igualmente encenações realizadas pelo Grupo de Teatro da Escola de Artes da Bemposta e os visitantes poderão conhecer, através das visitas comentadas, a história da comunidade de Alcalar.
Ainda no âmbito das comemorações do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, propõe-se, no dia 18, das 10h às 12h, visitas comentadas em Alcalar, com as arqueólogas Elena Móran e Isabel Soares. Na parte da tarde, às 17h, numa iniciativa conjunta com o Grupo Amigos do Museu de Portimão, terá lugar uma redescoberta de Portimão, através do passeio «Pelas Margens da História», a partir do Museu de Portimão até ao Largo da Barca. 

publicado às 20:30

Moda é o mote para Beta Talk de abril

por Daniel Pina, em 13.04.15
A partir das 19h do dia 16 de abril, o Café Concerto do TEMPO – Teatro Municipal de Portimão será mais uma vez o ponto de encontro para uma conversa inspiradora, desta vez com Karo Krassel, criadora da marca Mareterra, e com Lurdes Silva, criadora da marca Bioco Tradition, dois jovens projetos que se inspiram nas tradições portuguesas.
Bioco Tradition é um projeto de Lurdes Silva. A sua paixão pelo comércio, do gosto pelo passado, pela nossa identidade desde cedo fez parte da sua vida. Resolveu criar uma marca cujo objetivo fosse a recriação de objetos com tradição. Trazer para o presente produtos do passado, tornando-os úteis, recriar produtos com história, com tradição, fazer reviver emoções. Produtos com identidade, com alma e o primeiro a ser apresentado pela marca foi o Bioco, um trajo mítico do Algarve, do Séc. XVII, do reinado de D. João IV.
Mareterra é um projeto de Karo Krassel, uma austríaca que escolheu o Algarve para viver. O seu gosto pela fotografia e experiência profissional como freelancer em vários projetos ligados a área do design e comunicação de marcas levou Karo a criar a sua própria marca. Apaixonada pelo surf e pelo mar, decidiu criar e desenvolver peças e acessórios de moda com uma linguagem gráfica jovem e informal inspirada nas tradições portuguesas e no surf da Costa Vicentina. T-shirts, cadernos e sacos são produzidos com materiais biológicos e com técnicas de impressão manual. Estas peças destinam-se a quem pretende levar consigo um «cheirinho» do país e de umas maravilhosas férias na Costa Vicentina.

publicado às 13:25

Terra de Partidas e Chegadas, como referia Manuel Teixeira Gomes, Portimão tem a construção da sua identidade, enquanto comunidade, baseada no acolhimento e tolerância a migrações internas e externas. Foi assim com naturalidade que o Município de Portimão respondeu ao desafio do Alto Comissariado para as Migrações, apresentando uma candidatura, entretanto já aprovada, para a conceção de um Plano Municipal para a Integração dos Imigrantes que sistematizasse todo o trabalho que de alguma forma tem vindo a ser desenvolvido nesta área e perspetivasse o futuro.
Uma das mais-valias do plano baseia-se na elaboração de um diagnóstico social, que permitirá aprofundar o conhecimento das comunidades residentes, quer das que recorrem à rede formal de apoio, quer das que se integram informalmente, sobre as quais não existe muita informação. Outra das vantagens deste projeto reside na oportunidade para se desenhar medidas corretivas na área da imigração, constituindo-se desta forma como uma oportunidade para se desenhar um território mais participado, planeado e inclusivo.  
O Município de Portimão será o promotor desta iniciativa, que será desenvolvido em parceria com as freguesias de Portimão, Alvor e Mexilhoeira Grande; Instituto de Emprego e Formação Profissional - Centro de Emprego de Portimão; ARS – ACES Barlavento; Centro Distrital de Segurança Social de Faro; Serviço de Estrangeiros e Fronteiras – Delegação de Portimão; Agrupamento Vertical Eng.º Nuno Mergulhão, promotor do Programa Escolhas; Centro Hospitalar do Algarve; Instituto Superior Manuel Teixeira Gomes; associação CAPELA; Associação Caboverdiana Algarve; Associação de Santomenses e Amigos do Algarve e Associação Guineenses e Amigos. Para a conceção deste plano prevê-se a realização de diversas iniciativas destinadas à população imigrante e sociedade de acolhimento, bem como a participação de todas as instituições que contactam regularmente com a população imigrante e com papel ativo na promoção da sua integração.
Esta primeira fase de conceção do plano será até Junho de 2015, data em que sairá a versão final. O plano terá uma validade de dois anos e é financiado pelo Fundo Europeu para a Integração de Nacionais de Países Terceiros.

publicado às 13:40

Revista do Boa Esperança vai ao mercado

por Daniel Pina, em 02.04.15
O Mercado Municipal da Avenida S. João de Deus vai receber, no próximo sábado, dia 4 de abril, entre as 9h e as 11h, uma visita especial dos elementos do elenco da Revista à Portuguesa «Portugal: País das Maravilhas», do Boa Esperança Atlético Clube Portimonense. As personagens que dão nome à Revista do Boa Esperança vão mostrar que rir faz bem à saúde numa pequena demonstração teatral marcada pela atualidade política e social portuguesa: “Portugal como um paraíso legal e bancos a falirem, branqueamento de capitais, vistos gold e submarinos".
O elenco da revista estará presente no dia em que regista entre três a quatro mil entradas de pessoas durante a manhã, uma vez que o sábado Santo traz também muitas turistas portugueses e estrangeiros que aproveitaram as mini férias da Páscoa para visitar familiares ou aproveitar o bom tempo que se faz sentir. A alegria e a boa disposição vão assim marcar o sábado de manhã no Mercado da Avenida S. João de Deus com o Faneca, o Padre Raul, a Leninha e a Joaninha, uma boa oportunidade para ficar a conhecer ao vivo e a cores os atores que todos os anos mantém a tradição de Carnaval realizando um espetáculo em que a sátira política e social estão sempre presentes.
Com uma área bruta de 8.410,83 metros quadrados e uma área comercial de 5.712,06 metros quadrados, o Mercado da Avenida São João de Deus é um ponto de passagem obrigatório para quem procura frescos do dia com a máxima qualidade, vindos diretamente do que mar e a horta dá, com atendimento personalizado. O Mercado Municipal conta com 95 operadores efetivos com produtos como flores, hortofrutícolas, pão e bolos, peixe, moluscos e marisco, talhos e charcutaria e restauração e mais 49 produtores da região ao sábado. Nesta quadra pascal, o mercado vai estar aberto sexta e sábado, das 7h às 14h, oferecendo os melhores ingredientes para a tradição da Páscoa.

publicado às 13:18

Beatriz Gago, atleta do Clube Naval de Portimão, sagrou-se Campeã de Portugal de Juvenis Femininos. A jovem velejadora liderou a classificação feminina desde o primeiro dia e terminou na 12ª posição da classificação geral final do campeonato EDP – X Campeonato de Portugal de Juvenis, na Cidade da Horta, Ilha Faial, Açores.
A competição, organizada pela Federação Portuguesa de Vela, Associação Regional de Vela dos Açores e o Clube Naval da Horta, decorreu nos dias 24 a 28 de Março, e contou com a participação de 120 velejadores de Portugal Continental, Açores e Madeira na Classe Optimist. O Algarve teve uma das maiores frotas regionais no Faial, composta por 28 velejadores de cinco clubes.
Beatriz Gago conquistou o título nacional juvenil depois da Medalha de Bronze Juvenil, obtida em 2014 no IX Campeonato de Portugal de Juvenis, realizado em Portimão, e dos dois títulos nacionais Infantis alcançados em 2013 e 2012. O Clube Naval de Portimão esteve presente nos Açores com quatro velejadores: Beatriz Gago (Campeã Feminino), Frederico Baptista (42.º classificado), Daniel Cristiano (62.º) e Beatriz Cintra (81.º), sob a orientação do treinador - Frederico Rato.

publicado às 11:32

Em resultado de um protocolo de cooperação assinado entre a Câmara Municipal de Portimão e a Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP), o Balcão Único Empresarial (BUE) da AHRESP será instalado no Balcão Único Municipal desta autarquia, situada na Rua do Comércio. Este serviço inovador da AHRESP tem por objetivo facilitar a resolução dos processos burocráticos com que os empresários da cidade se deparam, nomeadamente no que respeita à instalação de empresas ou à gestão quotidiana da mesma.
O Balcão Único Empresarial disponibiliza aos associados um conjunto de serviços como Apoio Jurídico; Atos Societários; Certificação; Energia; Financiamentos; Formação Profissional; Gestão de Resíduos; Licenciamentos entre outros. O Balcão Único Municipal concentra num só espaço a maioria dos serviços municipais da Câmara Municipal e da empresa municipal, até agora distribuídos por espaços físicos diferenciados. Estão disponíveis oito postos de atendimento, abrindo de segunda a sexta-feira em horário contínuo, das 9h às 19h, incluindo o período de almoço.

publicado às 14:01

No âmbito das atividades do «Mês da Proteção Civil» em Portimão, teve lugar, no dia 21 de março, por ocasião do Dia Internacional da Floresta, uma ação de sensibilização direcionada para os residentes e produtores da área rural do concelho de Portimão, para dar a conhecer a legislação em vigor neste âmbito e elucidar os participantes para as regras de segurança na realização de queimas nos espaços naturais.
Esta iniciativa, promovida pelo Serviço Municipal de Proteção Civil em pareceria com a Junta de Freguesia da Mexilhoeira Grande, contou com a participação da GNR, Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e do Corpo de Bombeiros de Portimão. A ação culminou com uma sessão prática de demonstração de realização de uma QUEIMA SEGURA.

publicado às 13:07

José Gameiro, Diretor Científico do Museu de Portimão, foi nomeado, pelo European Museum Forum (EMF - Fórum Europeu dos Museus), Presidente do Júri Internacional do Prémio Museu Europeu do Ano (EMYA - European Museum of the Year Award) e Prémio Museu Conselho da Europa (CoE), dois dos mais relevantes prémios atribuídos aos museus europeus e cuja edição de 2015, terá lugar em Glasgow de 14 a 16 de Maio. É a primeira vez que um português assume o cargo de direção, com vigência até 2015, no coletivo de júri composto por um conjunto de 10 membros originários de diferentes países europeus.
Em 2010, o prémio Museu do Ano do Conselho da Europa, criado em 1977, foi atribuído ao Museu de Portimão, o segundo equipamento nacional a receber a distinção, em mais de 30 anos de história deste honroso galardão. O Museu de Portimão, inaugurado em 2008, é um equipamento reconhecido enquanto exemplo cultural na região, no país e na Europa, com várias distinções nacionais e europeias, entre as quais o Prémio «Mundo do Trabalho», atribuído em 2011, em Dortmund, pela instituição alemã DASA.
José Gameiro é Diretor Científico do Museu de Portimão, tem mestrado em Gestão e Administração do Património Cultural pela Universidade do Algarve, é licenciado em Artes-Plásticas pela Faculdade de Belas-Artes, da Universidade de Lisboa, pertence à Direção da Comissão Portuguesa do Conselho Internacional dos Museus ICOM-Portugal, para o triénio 2014/2017 e integra desde 2011 o Júri do EMYA. Desde 2010 que é membro da Secção dos Museus, da Conservação e Restauro e do Património Imaterial do Conselho Nacional de Cultura, para o qual foi nomeado na qualidade de «Personalidade de reconhecido mérito», foi um dos fundadores da Rede Portuguesa de Museus (2000) e da Rede de Museus do Algarve (2007). Tem exercido funções de museólogo, formador e professor nas áreas da museologia e do património industrial, sendo responsável pela coordenação e programação das exposições, projetos e atividades nacionais e europeias do Museu de Portimão.

publicado às 13:37

Paraquedistas enchem céus de Portimão

por Daniel Pina, em 21.03.15
Com a chegada da primavera, o Aeródromo Municipal de Portimão volta a ser o local de eleição para algumas centenas de paraquedistas europeus, que a partir deste sábado e até 12 de abril participarão no Festival Spring Boogie 2015. O evento é promovido pela Paralvor, através da Skydive Algarve, e contará com cerca de 300 praticantes da modalidade vindos da Alemanha, Áustria, Suíça, Noruega, Inglaterra, Escócia, Irlanda, Espanha e Portugal, muitos dos quais acompanhados pelas suas famílias, que escolheram este período para passar férias na região, dinamizando assim a atividade económica local, em particular nos setores da hotelaria, restauração, aluguer de carros e comércio.
Durante o festival serão utilizados dois aviões Dornier G92, aeronaves de duas turbinas com capacidade para transportar simultaneamente 15 paraquedistas, que irão realizar os seus saltos a partir dos 14 mil pés de altitude, em cerca de 13 minutos. Estas aeronaves são usadas no Reino Unido para a maior competição de paraquedismo do mundo: o Campeonato Nacional Britânico de Paraquedismo (British Skydiving Championships).
A conhecida Satory Academy estará a treinar durante o evento, sob a orientação de Julia Fozwell, Campeã Britânica de VF4 e Campeã Mundial Feminina. As modalidades de LO, RW, Free Fly, AFF Course, Beach Jumps, Wing Suit Camp, 2do28@Algarve, e Hight Altitude Jumps constarão no programa deste Festival e a atrair a presença de muitos outros paraquedistas europeus, estará Marco Arrigo, o Campeão italiano de Voo de Formação. Ally Milne, do Reino Unido, Campeão Britânico de Formação Vertical e recordista europeu de Freefly estará também a ajudar a organizar e treinar grupos de paraquedistas. Durante o evento, a Skydive Algarve irá organiza saltos para a Praia de Alvor, oferecendo aos paraquedistas a oportunidade de aterrar e observar o por do sol de Alvor. Os Saltos Tandem estarão disponíveis ao público ao preço normal, oferecendo a possibilidade de saltar a uma altitude de 14 mil pés acompanhado por um instrutor qualificado.
Desde 1999, o Aeródromo Municipal de Portimão vem recebendo encontros e festivais de paraquedismo de âmbito internacional, organizados pelo clube alemão DO 28 Flugcharter GMbh, com assinalável êxito. O Aeródromo é uma referência incontornável para a comunidade aeronáutica internacional, tem uma média anual superior aos dez mil voos, sobretudo ao nível da publicidade e fotografia aérea, lançamento de paraquedistas, voos de instrução e de transporte aéreo não-regular, bem como voos privados de recreio. De referir que, em agosto de 2013, o site especializado Skydive – Worldwide.com atribuiu o 5.º lugar ao Aeródromo Municipal de Portimão numa lista onde figuravam 550 zonas de paraquedismo de toda a Europa, sobretudo graças às excelentes condições atmosféricas aqui existentes, que permitem que esteja aberto a todo o tráfego ligeiro e ultra ligeiro o ano inteiro, com uma taxa muito reduzida de cancelamentos de voos.

publicado às 13:24

Portimão recebe Semana Gastronómica

por Daniel Pina, em 19.03.15
De 25 de março a 5 de abril, Portimão recebe a Semana Gastronómica, um convite aos apreciadores da qualidade e da frescura da cozinha e da doçaria regional para que visitem o município neste período prolongado que engloba a Páscoa. Participam na iniciativa um total de 44 estabelecimentos aderentes em quatro zonas principais, nomeadamente: Praia da Rocha; Centro de Portimão; zona ribeirinha de Portimão «Entre Pontes e Largo da Barca», Alvor e ainda estabelecimentos nos Três Bicos (1), Vau (1) e Mexilhoeira Grande (1).
Os participantes propõem especialmente para esta época uma variedade de pratos e doçaria regional de fazer crescer água na boca, dos carapaus alimados ao arroz de polvo ou lingueirão, sem esquecer a feijoada de búzios ou camarão, lulinhas à Algarvia, caldeira à pescador, cataplana de peixe fresco à Algarvia, picos na banha com migas, frango do campo à Monchique, tudo adocicado com uma torta de alfarroba e laranja, tigelinha de Alvor ou folhado de ovos-moles com amêndoa. A animação nesse período será uma constante e as propostas são para todas as idades: música; fado; histórias para ouvir e contar, yoga, dança criativa e ateliers temáticos para crianças; revista à portuguesa «O país das Maravilhas»; sarau gímnico e as várias exposições patentes no Museu de Portimão e na Casa Manuel Teixeira Gomes, aliam-se à gastronomia entre 25 de março e 5 de abril, período em que decorre a Semana Gastronómica de Portimão.
Todos os estabelecimentos aderentes estarão devidamente identificados no exterior, sendo esta uma organização da Associação Turismo de Portimão e da Go Portimão, a qual conta com o apoio institucional da Câmara Municipal de Portimão e da Junta Freguesia de Portimão, e apoio da Escola de Hotelaria e Turismo, da Associação Vitivinícola do Algarve e da Confraria do Medronho «Os Monchiqueiros».

publicado às 11:28

De 16 a 22 de Março decorre a 5ª edição da «Semana da Primavera Biológica» em Portimão, uma iniciativa de âmbito nacional que assinala a chegada da Primavera dedicando uma semana à promoção do bem-estar individual e coletivo, através da promoção de hábitos alimentares saudáveis e estilos de vida mais ecológicos e sustentáveis. O Município de Portimão associa-se a esta comemoração com o objetivo de reforçar ações de sensibilização e consciencialização da população, em especial das camadas mais jovens para a importância da agricultura biológica e estilos de vida mais ecológicos e sustentáveis.
O objetivo é apelar os cidadãos, escolas para se unirem ao movimento «Plantar Portugal» e dedicar um dia desta semana à promoção da Agricultura Biológica e ao reforço das ações de sensibilização e consciencialização da população, em especial das camadas mais jovens, para a importância da alimentação saudável e do exercício físico na prevenção da obesidade e das doenças relacionadas com a nutrição. O desafio é um convite a todos os residentes e entidades para aproveitar a chegada da Primavera e iniciar um cantinho biológico, descobrir o sabor genuíno e tradicional dos alimentos biológicos, fazer crescer as hortas, pomares e jardins biológicos na cidade de Portimão.
No dia 21 de Março, a Câmara Municipal de Portimão organiza um percurso natural entre o Moinho da Rocha e a Mexilhoeira Grande. Trata-se de um percurso linear com cerca de 13 quilómetros que integra a ligação de Portimão à Via Algarviana. Numa celebração da chegada da Primavera, este percurso pretende divulgar alguns dos valores do património natural do concelho, assim como promover as atividades de ao ar livre que, além de saudáveis, estimulam o gosto pelo contacto contato com a Natureza.
Todos os sábados, das 9h às 14h, o Jardim 1.º de Dezembro é referência para quem deseja conhecer os produtos hortícolas, os vinhos e as infusões de produtores algarvios. Um Mercado AgroBio de periodicidade semanal organizado pela Associação Portuguesa de Agricultura Biológica, onde os produtos são inteiramente biológicos e os preços mais acessíveis devido à proximidade produtor/consumidor. Para além de juntar os produtores locais, a iniciativa é também palco de diferentes palestras e oficinas que constituem um motivo de interesse suplementar para os consumidores.

publicado às 17:43

Com a aproximação da interrupção escolar da Páscoa, de 23 de março a 6 de abril, o município de Portimão apresenta várias atividades direcionadas para crianças e jovens. No Museu de Portimão, a Oficina Educativa propõe um diálogo de partilha entre as crianças e os seus avós, numa viagem pelas tradições desta época festiva, onde os participantes terão oportunidade de aprender sobre os costumes e saberes ligados à produção da doçaria da época. Dirigida a jovens dos 7 aos 12 anos, a iniciativa decorrerá de 23 a 27 de março, na parte da manhã, entre as 9h30 e as 12h, e à tarde, das 13h30 às 17h.
Na Quinta Pedagógica de Portimão, as iniciativas privilegiam o contacto com a natureza e são direcionadas para crianças dos 6 aos 10 anos. De 23 de março a 2 de abril, as férias dividem-se em dois turnos, entre as 9h30 e as 12h30, e as 14h e as 17h, sendo que os participantes podem permanecer na Quinta Pedagógica durante a hora de almoço se levarem a sua refeição. No Complexo Desportivo da Mexilhoeira Grande, as férias foram pensadas para jovens dos 12 aos 17 anos, também decorrerão de 23 de março a 2 de abril, de 2ª a 6ª feira, e apresentam dois tipos de atividades, das 10h30 às 12h30, Flag Football e das 15h00 às 17h00, Sessões de Inglês e Cultura Americana. Este projeto é organizado pela Associação Rede VidaMais e as inscrições estão sujeitas a um mínimo de oito participantes.
Para além das propostas de ocupação de férias apresentadas, durante o período de interrupção escolar as crianças e os jovens de Portimão terão ao seu dispor aulas de hidroginástica, dança, zumba e yoga, workshops, um show cooking de alimentação saudável e passeios de bicicleta, integradas no programa Março Jovem 2015. Ainda em março, o fim-de-semana de 21 e 22 promete ser em grande, já que, das 10h às 19h, o Portimão Arena recebe o «Fun Day» e vai transformar-se num megaparque de diversões, para os mais novos, com insufláveis gigantes, entre eles o KAMIKAZE, o maior escorrega insuflável de Portugal, pinturas faciais, modelagem de balões, jogos tradicionais e muitas surpresas.

publicado às 17:32

A Câmara Municipal de Portimão, em parceria com os vários agentes de proteção civil e entidades cooperantes, promove um conjunto de atividades sob o mote «Educação para o risco, um desafio para o futuro», de 14 a 31 de março, integrado nas Comemorações do Dia Internacional da Proteção Civil. Ações de sensibilização, seminários, rastreios de saúde, suporte básico de vida, exposições de meios e recursos e formação são as temáticas que compõe um conjunto de atividades que pretendem sensibilizar a comunidade escolar e população em geral para o trabalho desenvolvido pela Proteção Civil no município de Portimão.
Estas atividades assumem uma função fundamental no contacto com as várias instituições que desempenham um papel preponderante na proteção e segurança dos cidadãos e por outro lado pretende ter um papel pedagógico, ajudando jovens, professores, encarregados de educação/pais, profissionais expostos ao risco e população em geral para ficar a saber o que fazer numa altura de perigo como as que são retratadas ao longo do programa. Especificamente para as escolas, as ações propostas dão continuidade ao programa municipal de sensibilização «A Escola e os Riscos…. Preparar para Proteger!», que culmina no início do mês de abril.
Este programa arrancou a 15 de outubro do ano transato e até à data foram desenvolvidas mais de 89 ações de sensibilização para alunos, professores e demais colaboradores de todos os estabelecimentos de ensino do concelho de Portimão, bem como 12 ações de formação em 1ª intervenção, procedimentos de emergência e primeiros socorros para todos os atores dos Planos de Emergência Interno (PEI), dois eventos de mass-training em Suporte Básico de Vida (SBV) e a realização de exercícios internos de evacuação. Este programa integra exercícios com o envolvimento de meios externos dos diversos Agentes de Proteção Civil em todas as escolas, com o objetivo de aferir os resultados da fase de formação/sensibilização e perceber a capacidade interna da comunidade escolar para responder a situações de emergência, bem como a articulação com meios de socorro externos ao estabelecimento em situações de exceção. Neste sentido estão agendadas para os próximos dias 17 e 18 de março, na Escola EB 2,3 da Mexilhoeira e na Escola EB 2,3 Judice Fialho, respetivamente, exposições estáticas com demonstrações práticas do Serviço Municipal de Proteção Civil (SMPC) e demais APC, nomeadamente a Autoridade Marítima (AM), o Corpo de Bombeiros de Portimão (CBP), a Cruz Vermelha Portuguesa (CVP), a Guarda Nacional Republicana (GNR), a Polícia Judiciária (PJ), a Polícia de Segurança Pública (PSP) e o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), onde se prevê a participação da comunidade escolar, decorre ainda uma sessão de Mass Training - Suporte Básico de Vida (SBV) a realizar dia 18 de março na escola EB 2, 3 Júdice Fialho dirigida a professores.
Das atividades dirigidas à população em geral destacam-se os rastreios diversos de saúde na Ladeira do Vau (dia 14), Porto de Lagos (dia 21) e Mexilhoeira Grande (dia 28); sessão de Mass Training - Suporte Básico de Vida (SBV) a realizar dia 19 de março na escola EB 2, 3 Júdice Fialho destinada aos encarregados de educação/pais. Na Mexilhoeira Grande decorre no dia 21, uma ação de sensibilização intitulada «Queima Segura» direcionada para população em geral, de forma a salientar a importância das medidas de segurança a ter quando se realiza uma queima e os tramites a ter em consideração. A realização de dois seminários técnicos, um deles intitulado «Intervenção em Redes de Gás» e o outro «Intervenção em Infraestruturas elétricas», ambos direcionados para operacionais que convivem em operações de proteção e socorro com estas duas áreas de perigo, e irão abordar temas para o desempenho da missão de forma mais segura.
A partir do dia 31 de março, inicia-se o programa de formação de 1ª intervenção e Primeiros Socorros para funcionários municipais. No dia 22 de março, o quartel dos Bombeiros de Portimão abre portas à população, com o objetivo de dar conhecer as instalações do quartel que passará a funcionar no 2.º piso, estando ainda prevista uma ação de sensibilização «Como usar um extintor» e um exercício prático de desencarceramento e de salvamento em grande ângulo.

publicado às 11:39

Quem tiver livros que já não use poderá dar-lhes uma nova vida, entregando-os até ao próximo dia 31 de março no «Livrão», disponível no Mercado da Avenida S. João de Deus, na Biblioteca Municipal Manuel Teixeira Gomes (BMMTG) ou nos seus Polos de Leitura de Alvor e da Mexilhoeira Grande. Esta campanha é promovida pelo Clube de Leitura Manuel Teixeira Gomes e visa enriquecer e atualizar o fundo documental da Biblioteca Municipal com a generosa colaboração de todos quantos se desejem associar à iniciativa, a qual conta com o apoio da Câmara Municipal de Portimão - através da BMMTG.
Todas as obras recolhidas que já façam parte do atual espólio da Biblioteca Municipal integrarão a feira «Há livros no Mercado», que decorrerá entre 20 e 25 de abril no Mercado da Avenida S. João de Deus, na qual todos os interessados em renovar as suas estantes terão ao dispor edições a preços acessíveis, estando ainda previsto para o período um programa de animação que abrangerá as escolas do Pré-escolar e EB1 do município de Portimão e o público em geral.

publicado às 11:30

Portimão revive tradições pascais

por Daniel Pina, em 12.03.15
As celebrações pascais em Portimão voltam a ser marcadas pelo reviver de tradições seculares que constituem a manifestação da fé de largos milhares de crentes e envolvem a comunidade local num programa litúrgico que leva um colorido muito especial e uma vivência renovada às ruas da zona antiga da cidade. As festividades começam a 15 de março, quarto domingo de Quaresma, com a solenidade de Nosso Senhor Jesus dos Passos, que tem início às 16h com a Eucaristia, seguida de Procissão, em que a imagem do Nosso Senhor dos Passos saí da Igreja Matriz com o andor de S. João para, em plena Alameda da República, juntar-se à imagem da Nossa Senhora das Dores e assim evocar o encontro de Jesus com a Sua Mãe, a caminho do Calvário, através do «Sermão do Encontro». A Procissão sairá da Igreja Matriz, com passagem pela Alameda da República e ruas Diogo Gonçalves, de Olivença, Mouzinho de Albuquerque, Direita e Diogo Tomé, antes de regressar à Matriz, sendo os moradores nesta zona convidados a colocar colchas nas suas janelas.
A Bênção dos Ramos e tradicional Procissão do Domingo de Ramos, 29 de março, abre o caminho para a Semana Santa dando lugar posteriormente ao cortejo às 10h30 da Igreja do Colégio para percorrer diversas artérias de Portimão, a que se segue a Eucaristia na Igreja Matriz. A Quinta-Feira Santa, 2 de abril, vai ser marcada pela Missa da Ceia do Senhor e rito do Lava-Pés, que tem lugar pelas 19h na Igreja Matriz, enquanto, na noite seguinte, acontece um dos momentos altos da Semana Santa com a Procissão do Enterro do Senhor, uma manifestação de grande religiosidade e carregada de simbolismo que, a partir das 21h30, levará às ruas do centro da cidade a imagem do Senhor Morto, ao som das matracas, num ambiente de recolhimento. A Procissão sairá da Igreja do Colégio e percorrerá as ruas Diogo Tomé, Direita, Mouzinho de Albuquerque, Olivença, Comércio até regressar à Igreja do Colégio.
O Sábado Santo, 4 de abril, será o epicentro das celebrações da Semana Santa com a Vigília Pascal, agendada para as 22h e que assinalará a ressurreição de Cristo. As festividades culminam no dia seguinte, Domingo de Páscoa, com a Procissão Real da Ressurreição de Jesus Cristo, que parte da Matriz às 10h e percorre as principais artérias do centro de Portimão, sendo os fiéis convidados a participar nesta manifestação religiosa quer transportando tochas de flores quer engalanando as suas janelas e varandas com colchas, a que se segue às 11h30 a Eucaristia. Depois de sair da Igreja Matriz, a procissão percorrerá a Rua 5 de Outubro em direção às ruas Júdice Biker, Júdice Fialho, Prof. José Buísel, Portas da Serra e do Comércio, em direção à Igreja Matriz, sendo solicitado aos fiéis que ao longo deste percurso coloquem colchas nas janelas de suas casas e que levem na mão uma «tocha» de flores.
De referir ainda, o Concerto da Páscoa no dia 11 de abril, sábado, às 21h30 na Igreja Matriz de Portimão com a presença e música de Rão Kyao. Com entrada gratuita, todos são convidados para este concerto tradicional. Promovida pela Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, a Semana Santa conta com os apoios da Junta de Freguesia de Portimão e da Câmara Municipal de Portimão.

publicado às 13:23

Portimão adere à Hora do Planeta 2015

por Daniel Pina, em 11.03.15
Começou a contagem decrescente para a Hora do Planeta 2015 sob o mote «Use your power to change climate change – Usa o teu poder contra as alterações climáticas» e o município de Portimão volta a associar-se a esta iniciativa mundial, com as luzes a desligaram-se durante 60 minutos nos principais edifícios municipais. Entre as 20h30 e as 21h30, do dia 28 de março, o edifício dos Paços do Concelho, Museu de Portimão, o TEMPO - Teatro Municipal de Portimão, o Mercado da Av.ª S. João de Deus, a Biblioteca Municipal Manuel Teixeira Gomes, o Auditório Municipal e Casa Manuel Teixeira Gomes juntam-se ao protesto mundial contra as alterações climáticas.
O gesto reflete a preocupação do município com a sustentabilidade de recursos e proteção ambiental e que pretende também alertar consciências, incentivando os munícipes a usarem o seu poder contra as alterações climáticas. Este é também o mote da campanha promocional da Hora do Planeta 2015. Para além dos edifícios municipais, a ideia é que também os munícipes e as empresas adiram a esta iniciativa e mantenham as suas luzes apagadas durante os 60 minutos em que decorre a iniciativa. Chamar a atenção para questões relacionadas com o aquecimento global, mas também para a necessidade adotar comportamentos sustentáveis, em prol do planeta e da qualidade de vida das gerações futuras é um dos principais objetivos deste movimento global.


publicado às 11:47

A obra do Pavilhão Gimnodesportivo de Portimão, situado na Avenida Miguel Bombarda, vai ser retomada com o objetivo de se finalizar a empreitada de requalificação daquele importante espaço desportivo de Portimão. Iniciada em janeiro de 2010, a empreitada de requalificação daquele equipamento foi suspenso em junho de 2011, estando desde essa altura parada, por falta de pagamentos dos valores devidos ao empreiteiro geral.
O atual executivo diligenciou junto do empreiteiro a intenção da retoma dos trabalhos, tendo as partes chegado a acordo, o que permitirá a conclusão das obras no decorrer do presente ano, assim como o término dos processos judiciais em curso. Os trabalhos desta empreitada foram adjudicados, em 2010, por 1.228.085 euros (+IVA), sendo que desses faltam executar cerca de 460 mil euros.
O Pavilhão Gimnodesportivo apresenta hoje uma fachada muito diferente, sendo que no interior será dividido em zonas distintas para atletas e espectadores. Assim, o espaço central do edifício ficará destinado ao desporto, enquanto os serviços de apoio e as salas de atividades serão distribuídas em redor da nave central. Já no interior do Gimnodesportivo, as áreas ficarão dispostas de forma a evitar que os atletas e o público se cruzem. O Pavilhão terá uma nave principal com quatro balneários de apoio, quatro salas de desporto com seis balneários, quatro instalações sanitárias públicas e uma para árbitros, duas casas de banho para pessoas com deficiência, duas áreas de atendimento e uma secretaria.
No total, serão criados 325 lugares nas bancadas, dos quais 14 estão destinados a espectadores com mobilidade condicionada e seus acompanhantes. Quanto à poupança energética, o Gimnodesportivo terá um sistema de gás natural e painéis fotovoltaicos.

publicado às 11:14

O Comité Paralímpico de Portugal (CPP), em parceria com a Câmara Municipal de Portimão e o Agrupamento de Escolas Poeta António Aleixo, está a organizar o Dia Paralímpico na Escola que terá as suas atividades na Escola Secundária Poeta António Aleixo (sala multiusos, pavilhão desportivo e zonas exteriores), no pavilhão e zona exterior da Escola Básica 2,3 D. Martinho de Castelo Branco, na Piscina Municipal e Marina de Portimão. O Dia Paralímpico tem o seu início a 11 de março, com a Ação de Formação - Modalidades Paralímpicas em Contexto Escolar, destinada a professores, alunos e técnicos desportivos, de forma a transmitir os princípios base de algumas das modalidades desportivas envolvidas no Dia Paralímpico na Escola, nomeadamente atletismo, boccia, goalball e voleibol sentado. A Ação de Formação decorrerá no pavilhão desportivo da Escola Básica 2,3 D. Martinho de Castelo Branco, com início às 14h30.
A partir desta data está disponível na Escola Secundária Poeta António Aleixo a exposição «Movimento Paralímpico e Desportos Paralímpicos e Surdolímpicos», composta por um vasto espólio fotográfico e imagem vídeo que relatam os maiores sucessos desportivos dos atletas paralímpicos e surdolímpicos portugueses. No dia 17 de março, pelas 10h, é tempo para o Colóquio com o tema «O Movimento Paralímpico», que contará com a presença do paraciclista Luís Costa e do treinador de vela Luís Brito. Este será um momento de discussão informal da realidade paralímpica e de partilha de experiências do atleta e treinador com os alunos, professores, convidados e restante público que queira comparecer na sala multiusos da Escola Secundária Poeta António Aleixo. Esta ação contará também com a presença do Presidente do CPP, Humberto Santos, o Diretor do Agrupamento de Escolas Poeta António Aleixo, Luís Manuel Correia e a Vereadora do Pelouro da Educação, Desporto e Juventude desta edilidade, Ana Figueiredo.
O dia 18 de março está reservado para a experimentação de modalidades paralímpicas. Ao todo serão 13 modalidades - andebol em cadeira de rodas, atletismo, basquetebol em cadeira de rodas, boccia, ciclismo, goalball, judo, karate, natação, ténis em cadeira de rodas, tiro, vela e voleibol sentado, que a partir das 8h25 serão dinamizadas nos seguintes espaços:
 - Escola Básica 2,3 D. Martinho de Castelo Branco - Pavilhão: andebol em cadeira de rodas, basquetebol em cadeira de rodas, karate;
- Escola Básica 2,3 D. Martinho de Castelo Branco - Exterior: atletismo, ciclismo;
- Escola Secundária Poeta António Aleixo - Sala Multiusos: goalball e tiro;
- Escola Secundária Poeta António Aleixo - Pavilhão Desportivo: boccia, judo, voleibol sentado;
- Escola Secundária Poeta António Aleixo - Exterior 1: atletismo;
- Escola Secundária Poeta António Aleixo - Exterior 2: ténis em cadeira de rodas;
- Piscina Municipal: natação;
- Marina de Portimão: vela.

Este momento de aproximação às modalidades paralímpicas e surdolímpicas permite afirmar o princípio universal de que o desporto é para todos, atraindo novos atletas para as modalidades paralímpicas. Apesar de dirigido aos estudantes do Agrupamento de Escolas Poeta António Aleixo e das instituições de apoio à deficiência do concelho, qualquer pessoa pode aparecer durante a manhã do dia 18 de março nas instalações desportivas e assistir às atividades ou mesmo aventurar-se a experimentá-las.
Com este evento, que já se vem tornando regular nas atividades do Comité Paralímpico, dá-se mais um passo para a integração das disciplinas paralímpicas nos currículos da disciplina de Educação Física, levando-as aos locais de base de prática desportiva e aos públicos mais jovens, contribuindo assim para o afirmar do lema do Comité «Igualdade, Inclusão e Excelência Desportiva». 

publicado às 14:35

A ACRAL - Associação do Comércio e Serviços da Região do Algarve e o IAPMEI - Agência para a Competitividade e Inovação, I.P., vão promover diversas sessões de esclarecimento sobre a medida «Comércio Investe», com o objetivo de dar a conhecer às empresas comerciais um instrumento que poderá contribuir para  a dinamização do comércio de proximidade, enquanto atividade de suporte aos centros urbanos, ajudando a reduzir o processo de desertificação a que se assiste. A dotação orçamental para esta segunda fase da medida é de 20 milhões de euros, sendo que à região do Algarve está destinada uma verba de 960 mil euros a repartir de acordo com as seguintes tipologias: 432 mil euros para projetos individuais de modernização comercial e 520 mil euros para projetos conjuntos de modernização comercial.
A ação decorre, no dia 3 de março, no Café Concerto do TEMPO – Teatro Municipal de Portimão, a partir das 14h30, no dia 5 acontece, pelas 19h30, no edifício dos Paços do Concelho de Albufeira e, no dia 6, entre as 21h e as 22h30, é a vez do Auditório do Centro Autárquico de Quarteira receber semelhante iniciativa. Os participantes poderão conhecer as linhas mestras da medida «Comércio Investe», que visa a modernização e valorização da oferta do seu estabelecimento comercial, através da requalificação da fachada, remodelação da área de venda ao público, de toldos ou reclames, áreas de decoração, design de interiores, vitrinismo, entre outros.
As sessões de esclarecimento visam elucidar o tecido empresarial do Algarve acerca dos benefícios, condições de apresentação, tipologias de investimento, incentivos disponíveis, condições de elegibilidade, e demais tramites processuais relacionados com a execução de candidaturas ao regime de incentivos nesta medida. O incentivo financeiro a conceder assume a natureza de incentivo não reembolsável, correspondente a 40 por cento, podendo ir até 35 mil euros por projeto. Adicionalmente ao incentivo referido no número anterior, o projeto individual pode beneficiar de um prémio de boa execução, correspondente a uma majoração de cinco por cento do valor do incentivo apurado. Podem beneficiar dos incentivos, as micro e pequenas empresas, independentemente da sua forma jurídica, cuja atividade principal se insira na divisão 47 do CAE (exclui restauração). 

publicado às 13:28

Elsa Serra, João Manuel Ribeiro e Rolando Rebelo são os três escritores que vão participar na Semana da Leitura 2015 promovida pela Biblioteca Municipal Manuel Teixeira Gomes até ao dia 20 de março, numa colaboração com as bibliotecas escolares do concelho e que se assinala a nível nacional no âmbito do Plano Nacional de Leitura com o intuito de celebrar a leitura e os livros, propondo-se como tema «Palavras do Mundo». A Semana da Leitura convida à (re)descoberta da palavra escrita, dita, cantada, declamada, ilustrada, num contexto de partilha de gerações de contribuam para que todos leiam em qualquer lugar, suporte ou contexto, dando visibilidade à leitura e à universalidade e intemporalidade da Palavra.
Para os alunos do Pré-escolar, o encontro com a autora Elsa Serra irá realizar-se nos dias 2, 3, 4, 5 e 6 de março, mais precisamente nos Jardins de Infância da Coca-Maravilhas, Vendas, Chão Donas, Pontal, Estrada Alvor, Figueira, Mexilhoeira Grande, Alvor, Montes de Alvor e Quatro Estradas. O projeto é o de promover o livro desde a infância com a obra «UNGALI». Ouvir contar histórias na infância leva à interiorização de um mundo de enredos, personagens, situações, problemas e soluções, que proporciona às crianças um enorme enriquecimento pessoal e contribui para a formação de estruturas mentais que lhes permitirão compreender melhor e mais rapidamente não só as histórias escritas como os acontecimentos do seu quotidiano.
Para os alunos do 1.º e 2.º ciclos, o encontro com o escritor João Manuel Ribeiro será nos dias 16, 17, 18, 19 e 20 de março sob o mote «Um escritor na Biblioteca Escolar». Este projeto pretende promover o estudo e a divulgação da obra de um escritor, selecionado no início de cada ano letivo, envolvendo alunos, professores, biblioteca escolar e comunidade educativa. As escolas abrangidas do 1.º ciclo são EB 1 Pontal, EB1 Coca Maravilhas, EB 1 Vendas, EB 1Chão das Donas, EB1 Pedra Mourinha, EB1 Alvor, EB1 Montes de Alvor, EB1 Mexilhoeira Grande, EB1 Figueira, EB1 Major David Neto. As do 2.º e 3.º ciclos são a Escola D. Martinho Castelo Branco, Escola José Buísel, Escola Eng.º Nuno Mergulhão, Júdice Fialho e Bemposta.
Para alunos do Ensino Secundário e 3.º Ciclo, o encontro com o autor Rolando Rebelo será nos dias 17 e 19 de março na Escola Secundária Manuel Teixeira Gomes, Escola Secundária Poeta António Aleixo, Escola EB2,3/s da Bemposta e Escola EB23 D. Martinho Castelo Branco. Esta é uma ação de promoção do livro e da leitura da iniciativa da BMMTG em colaboração com as Bibliotecas Escolares do Concelho que realça a importância de como uma história é revelar segredos, é seduzir o ouvinte, é convidá-lo a apaixonar-se pelo livro, pela história e pela leitura.

publicado às 19:43

Criada em 2014, a Rede de Emergência Social Municipal é uma resposta social aos problemas existentes no seio de famílias carenciadas do concelho de Portimão, em situação de maior vulnerabilidade, resultando de uma parceria entre a Câmara Municipal de Portimão e as Juntas de Freguesia de Portimão, Alvor e da Mexilhoeira Grande, a Associação Flor Amiga, a Cruz Vermelha Portuguesa – Delegação de Portimão, o Grupo de Apoio a Toxicodependentes, a Associação Adventista para o Desenvolvimento, Recursos e Assistência, a Associação Cultural e Recreativa Alvorense 1.º Dezembro, o Banco Alimentar do Algarve, a Cooperativa de Reeducação e Apoio à Criança Excecional, a Cáritas Paroquial Matriz de Portimão, a Fábrica da Igreja Paroquial da Nossa Senhora do Amparo, a Santa Casa da Misericórdia de Alvor e a Irmandade Santa Casa da Misericórdia de Portimão.
Atualmente a apoiar 794 agregados familiares, a Rede segue de perto e avalia regularmente a situação e o grau de vulnerabilidade das famílias, procurando rentabilizar os recursos existentes, eliminando eventuais sobreposições de intervenção, permitindo desta forma uma resposta mais rápida e eficaz, com melhor planeamento e celeridade na prestação dos apoios e serviços. Os apoios vão deste a prestação de apoio ao nível da alimentação confecionada (em cantinas e refeitórios sociais no concelho) e não confecionada (com a entrega de cabazes de produtos alimentares), ao vestuário, produtos de higiene pessoal, bazar e mercearia, mobiliário, eletrodomésticos e artigos para o lar, cuidados de enfermagem e acesso a tratamentos básicos de saúde, apoios pecuniários através de subsídios económicos de caracter pontual, e todo o tipo de ajudas técnicas necessárias.
Em complementaridade à Rede instituída, a Câmara Municipal de Portimão tem trabalhado em respostas paralelas com a implementação de medidas sociais secundárias e complementares, tais como o Subsídio de Apoio ao Arrendamento, a Comparticipação Municipal em Medicação, a Tarifa Social ou o Cartão Sénior. Alargando o leque de respostas sociais do concelho, está ainda previsto no presente mês de fevereiro a abertura de uma nova cantina social, assegurada pela Cáritas Paroquial Matriz de Portimão.

publicado às 13:14

Festa da Laranja regressa a Portimão

por Daniel Pina, em 13.02.15
Entre 18 e 21 de fevereiro, o Mercado da Av. S. João de Deus promove, pelo oitavo ano consecutivo, a Festa da Laranja, durante a qual os clientes terão a oportunidade de adquirir a sumarenta laranja algarvia ao preço bem especial e único de 0,29 €/Kg, podendo também participar em demonstrações e degustações culinárias. Durante este período, o mercado encontra-se em festa, estando todos os sectores de atividade envolvidos no tema.
Entre as várias atividades previstas, destaque para o sector das hortofrutícolas, que decorará as suas bancas a rigor, com elementos alusivos à Laranja, e no sector do Pão e Bolos será possível adquirir produtos confecionados com este citrino. Já o sector dos talhos e charcutaria, e sector do peixe, moluscos e marisco participam nesta Festa promovendo o consumo de produtos que sejam igualmente confecionados com Laranja, partilhando os seus truques e receitas de cozinha e aplicando cada um dos operadores promoções em produtos diversos, de forma livre. Para os dias 20 e 21 de fevereiro estão agendadas duas ações de demonstração culinária, a decorrer a partir das 10h30, junto ao Sítio dos Fresquinhos, a cargo dos Restaurantes Iguarias (operador neste mercado, no piso exterior) e Ameli, respetivamente.
Organizada pela Câmara Municipal de Portimão, entidade gestora dos Mercados e Feiras Tradicionais, e pela comissão de operadores do sector das hortofrutícolas, desde a primeira hora que a Festa da Laranja conta com a boa recetividade tanto de operadores como de consumidores, tendo nas sete anteriores edições registado uma venda global que ascendeu às 45 toneladas de laranja Algarvia.

publicado às 17:16

A primeira Beta Talk de 2015 dá-nos a conhecer uma vertente do empreendedorismo através da Cultura e da Criatividade, como é possível empreender e ter um projeto de vida ligado ao sector das indústrias criativa e da arte. A partir das 19h do dia 18 de fevereiro, o Café Concerto do TEMPO – Teatro Municipal de Portimão será mais uma vez o ponto de encontro para uma conversa inspiradora, desta vez com Nuno Pereira, representante da Associação Cultural LAC – Laboratório Atividades Criativas, e com Nuno Lopes, criador das «Nuno Lopes Joyas», dois Nuno’s que vê o Algarve como um paraíso para artistas e criadores do mundo inteiro.
O LAC – Laboratório de Atividades Criativas é uma Associação Cultural sem fins lucrativos, formada em 1995, por um grupo de indivíduos com atividade em diversos sectores da cultura (Escultura, Pintura, Cerâmica, Música, Arquitetura, Cinema, Museologia, Defesa do Património), com o objetivo principal de dinamizar e promover a criação artística na região com especial incidência na zona do Sudoeste Algarvio, mas também o de refuncionalização de um espaço entretanto já desativado – a antiga cadeia de Lagos. Desde 2001 que o LAC tornou-se numa estrutura de acolhimento artístico – única no barlavento algarvio, permitindo albergar anualmente projetos individuais e coletivos num total aproximado de 20 artistas, em áreas tão diversas como a música, pintura, escultura, e/ ou outros projetos de cariz alternativo e não comercial.
Em 2008, é implementado o PRALAC – Programa de Residências Artísticas do LAC, com projetos anuais, de curta duração ou pontuais, dando resposta a propostas exteriores e permitindo que artistas de diferentes nacionalidades tenham a oportunidade de explorar o seu trabalho criativo na cidade de Lagos em site specific. Paralelamente, dinamiza exposições, performances, concertos no seu espaço, na promoção dos artistas residentes, mas também em parcerias com diferentes entidades de âmbito Regional e Nacional, nomeadamente Chili com Carne, Granular, THISCO, Casa Branca, Teatro Experimental de Lagos, Cine-Clube de Faro, Instituto Politécnico de Portalegre, entre outras. Ao nível da formação desenvolve Cursos Anuais, com atividades de Dança, Expressão Plástica, Escrita Criativa e promove oficinas e workshops técnicos das diversas áreas artísticas, tendo protocolado atividades com as turmas de Artes das Escolas Secundárias Gil Eanes e Júlio Dantas de Lagos. Em 2011 lança a 1ª edição do ARTUR – Artistas Unidos em Residência, um projeto de arte urbana com curadoria de Sofia Fortunato. O LAC é uma entidade financiada pela Presidência do Conselho de Ministros e Direção Geral das Artes.
Nuno Lopes, natural de Portimão, formado em engenharia agropecuária e com vários estágios em aquacultura, passando por um emprego na Direção Geral de Veterinária troca o que é certo pelo gosto de criar e construir joias únicas. Uma viagem à Amazónia aos 19 anos e uma família sempre ligada as artes despertou-lhe a sua veia artística e falou mais alto do que uma carreira estável. Teve a sua iniciação aos 24 anos, na Escola de joalharia Contacto Direto (em Lisboa), onde adquiriu competências artísticas e técnicas na criação e execução de joias, com recurso a metais nobres e materiais alternativos. Aos 34 anos muda-se para Espanha, onde frequenta vários cursos no Centro de Formação Profissional de Joalharia e Orfebreria (em Sevilha) e integra ainda o curso básico de gemologia do Instituto Gemológico Espanhol (em Madrid).
De volta ao Algarve, monta a sua oficina, onde cria peças de joalharia de autor, e começa a divulgar o seu trabalho em feiras, exposições coletivas e individuais. Para o Nuno cada peça é como a pessoa que a usa, «única», por isso renova e enriquece o seu trabalho, aprendendo várias técnicas, utilizando diferentes materiais e experimentando estilos diferentes, formas e significados distintos. Desde a criação, passando pelo desenho, até à construção de uma joia, parte sempre em busca de diferentes opções criativas. Com o objetivo de vencer cada dia, crio peças únicas, exclusivas, que têm a sua própria vida, sentimento e harmonia.

publicado às 14:45

Foi assinado no passado dia 11 de Fevereiro, em Portimão, um protocolo com a vista a desenvolver uma candidatura para a pré-qualificação de parcerias no âmbito do Desenvolvimento Local de Base Comunitária (DLBC), para o período de 2014-2020. Nesse sentido, e de acordo com as regras das candidaturas, foi constituído um Grupo de Ação Local – URBÂNIMA PORTIMÃO (GAL – URBÂNIMA PORTIMÃO), a quem competirá a definição de uma estratégia de desenvolvimento local representativa do território abrangido, concelho de Portimão.
As entidades que compõe a URBÂNIMA PORTIMÃO são a Câmara Municipal de Portimão, Centro de Apoio a Idosos de Portimão (entidade gestora da candidatura); Instituto de Emprego e Formação Profissional, I. P.; Santa Casa Misericórdia de Portimão; Agência de Desenvolvimento do Barlavento; Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Portimão; Agrupamento de Escolas Engenheiro Nuno Mergulhão; GRATO – Grupo de Apoio aos Toxicodependentes; COFAC – Cooperativa de Formação e Animação Cultural, CRL (ISMAT); CLCC – Centro de Línguas, Cultura e Comunicação; Academia de Música de Lagos e Clube Naval D. João II de Alvor. O acordo agora firmado tem como objetivo candidatarem-se a apoios comunitários que incidem na promoção da inclusão social, através do combate a problemas de pobreza, de exclusão social e de abandono escolar, com ênfase em medidas de Inovação e empreendedorismo social em territórios urbanos desfavorecidos.
As principais áreas de intervenção serão as seguintes: concessão de apoio ao desenvolvimento dos viveiros de empresas e o apoio à atividade por conta própria, às microempresas e à criação de empresas; inclusão ativa, com vista à promoção da igualdade de oportunidades e da participação ativa e a melhoria da empregabilidade; redução e prevenção do abandono escolar precoce; criação de emprego por conta própria, empreendedorismo e criação de empresas. 

publicado às 12:56


Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D