Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]






Hugo Santos e Almerindo Sequeira conquistaram, no dia 25 de setembro, a Taça PGA Portugal Betterball, o torneio de pares de cinco mil euros em prémios monetários, a contar para a Ordem de Mérito do PGA Portugal Tour, que se disputou na Quinta do Peru Golf & Country Club, em Azeitão. Hugo Santos, o n.º1 da Ordem de Mérito de 2011 a 2013, convidou para jogar este torneio o seu irmão, Ricardo Santos, mas como o jogador português do European Tour declinou, escolheu em seguida exatamente o treinador de Ricardo, Almerindo Sequeira.
Hugo Santos e Almerindo Sequeira somaram 133 pancadas, 11 abaixo do Par, após voltas de 67 e 66, deixando a 3 shots de distância duas duplas classificadas em 2.º: António Sobrinho/João Pedro Carvalhosa e Tiago Cruz/Juan Martín. Carvalhosa e Sobrinho carimbaram o melhor cartão do torneio, de 65 (-7), no primeiro dia, mas não conseguiram melhor do que um 71 (-1) no segundo dia, enquanto Cruz e Martín estiveram consistentes, com duas voltas de 68.
Na partida para a última volta, Sobrinho e Carvalhosa – jogadores que há uma década discutiam entre eles os Campeonatos Nacionais da PGA de Portugal – eram os líderes com 7 abaixo do Par mas, graças a dois birdies de Sequeira nos primeiros buracos, as duas equipas ficaram logo empatadas. Novo birdie do treinador de Ricardo Santos no 5 fez com que a sua equipa assumisse pela primeira vez a liderança, mas os dois pares dobraram os primeiros 9 buracos de novo empatados. Um birdie de Sobrinho e Carvalhosa no 13 colocou esta equipa na frente, mas dois birdies de Hugo Santos no 14 e no 15 trouxeram nova alteração na cabeça do leaderboard. Aqueles dois birdies puseram uma enorme pressão em Sobrinho e Carvalhosa, que cometeram erros no 17 e no 18, fazendo com que os campeões até se dessem ao luxo de só jogar o último buraco com a bola de Santos depois Sequeira ter saído para fora do campo.
Foi uma prova deveras emocionante que nos primeiros nove buracos ainda teve outros protagonistas, pois também a equipa de Tiago Cruz, o atual campeão nacional, e do espanhol Juan Martín esteve a lutar pelo título. “Viemos para este segundo dia com três pancadas de atraso em relação aos primeiros classificados e sabíamos que era recuperável. Lá passámos os primeiros nove buracos com três abaixo do Par, só que também sofremos hoje dois bogeys (nos buracos 7 e 16), o que, nesta modalidade, é mau”, explicou Tiago Cruz. Mesmo assim, foi um bom 2.º lugar para Cruz e Martín, até porque o espanhol que compete no PGA Portugal Tour confessou não jogar no sistema de betterball há sete anos. Para Hugo Santos foi o 2.º título do ano no PGA Portugal Tour, depois de se ter imposto no Estoril PGA Open, enquanto Almerindo Sequeira também já tinha ganho este ano mas noutro circuito, no Pro-Am Series da PGA de Portugal, no torneio do «seu» Onyria Palmares.

publicado às 19:47



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D