Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]






Foi num cenário tipicamente serrano, junto ao Moinho do Bengado, ao sabor de pão e tibornas, que decorreu a apresentação pública da 23ª edição da Feira da Serra de São Brás de Alportel. Alimento indispensável na cozinha mediterrânica, o Pão é o convidado especial numa edição que se apresenta recheada de surpresas.
Em pleno coração do Algarve, inspirada nas tradições locais e na identidade cultural do concelho, a Feira da Serra regressa a São Brás de Alportel nos dias 25, 26 e 27 de julho para três dias repletos de artesanato, gastronomia, animação e deliciosas novidades. O Sítio do Pão será um dos novos espaços que irá surpreender o público com uma mostra histórica deste alimento que nos foi trazido pelo povo romano, há centenas de anos.
Durante a apresentação, a professora e investigadora Maria Manuel Valagão revelou alguns segredos do sentir sagrado que é atribuído ao pão e da sua importância na história da humanidade. A sua riqueza está na simplicidade da sua composição, na diversidade de tipos de pão que existe e na garantia de qualidade. No Sítio do Pão os visitantes poderão conhecer o ciclo do pão, participar em workshops de sementes e provar as iguarias das sessões de Show Cooking, elaboradas a partir do pão.   
De portas abertas à inovação, a Feira da Serra será a rampa de lançamento e divulgação para algumas empresas e agentes turísticos locais que escolheram o certame para se dar a conhecer, como explicou a vice-presidente da Câmara Municipal, Marlene Guerreiro. Dias de Aromas, um projeto de um jovem casal são-brasense que promete transportar os cheiros e sabores 100 por cento biológicos da nossa serra além fronteiras, a nova operadora «Avalanche – Rent a Bike», as propostas em torno da cortiça e o projeto Made IN Loco, a nova aposta da Associação In Loco que vai ter uma casa própria para apresentar os produtos e os produtores locais, estão entre as novas apostas do setor empreendedor que vão passar pela Feira da Serra, bem como a recente criação do são-brasense Octávio Lourenço. O produtor de pranchas de surf desenvolveu, com a colaboração de alguns alunos de um curso profissional da Escola Secundária José Belchior Viegas, uma original prancha de surf substituindo o material habitualmente utilizado como matéria-prima, poliuretano, por cortiça e agave (ou pau de pita), dois materiais típicos do nosso concelho e mais amigos do ambiente.
O coração da Feira da Serra continua a bater na Aldeia Serrana e no Encontro de Ofícios, onde os visitantes podem encontrar o mais genuíno artesanato e os produtos locais, sendo surpreendidos por mestres e artesãos a produzir a sua arte ao vivo, aplicando os conhecimentos e saberes tradicionais. Em ano de celebração do Centenário do Concelho, a Feira da Serra vai acolher um espaço dedicado a esta efeméride, «São Brás de Alportel 1914-2014», com o intuito de proporcionar uma viagem documental pela história do município e recordar a época em que se desencadearem os acontecimentos que motivam estas celebrações, cem anos depois.
Seguem-se as sugestões gastronómicas no Encontro de Sabores onde será difícil escolher entre o Ensopado de borrego com hortelã, a Açorda de galinha, o Pão recheado ou a Carne no Alguidar, e poderá adoçar o paladar com o Bolo da massa do pão ou o Pudim de pão, propostas inspiradas no convidado especial desta edição, sem esquecer as diárias demonstrações gastronómicas que terão lugar no Sítio do Pão. A animação será garantida e constante ao longo dos três dias do evento e em diferentes pontos do recinto. O Grupo de Acordeonistas de São Brás e a banda algarvia Iris sobem ao palco principal no primeiro dia, sexta-feira, e no sábado terá lugar o desfile São Brás Fashion, numa noite dedicada ao glamour e à beleza são-brasense. Da televisão para o palco da Feira da Serra, José Freitas traz um talento ainda em bruto e a sua surpreendente voz depois da revelação no programa Fator X. No domingo, último dia do certame, as canções e os cantares típicos da região serão representados na atuação do grupo Cante Andarilho, ao qual se segue a inconfundível presença de José Cid, a fechar o palco principal da 23ª edição da Feira da Serra. 
Enquanto prova viva das tradições são-brasenses, a Feira da Serra “procura dar a conhecer ao mundo São Brás de Alportel, o concelho e a sua história, e promover o desenvolvimento da economia local”, afirmou Vítor Guerreiro, presidente da Câmara Municipal de São Brás de Alportel. “Enquanto local de experiências que ficam na memória de quem a visita, a Feira da Serra é o maior evento do concelho e pretende reavivar o orgulho são-brasense”, continuou.

publicado às 18:47



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D