Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]






São já várias as obras que o Município de Lagos tem realizado no âmbito da reabilitação de fogos municipais e este ano foram já foram concluídas 14 intervenções em várias urbanizações do concelho. A autarquia lacobrigense tem procurado aumentar o número e a celeridade nas respostas aos problemas de obras de conservação e reabilitação do parque habitacional municipal. Nesse sentido, estão atualmente em curso várias obras de reabilitação e requalificação em várias urbanizações do concelho que se centram maioritariamente em melhoramentos parciais ao nível de pinturas, pavimentos, carpintarias, equipamentos de cozinha e WCs, substituição da rede de águas e reparação de equipamentos vários.
Sublinhe-se que, nesta área, os serviços de Ação Social da autarquia têm desenvolvido um trabalho alicerçado em torno de diagnósticos e estratégias de atuação definidas por uma equipa multidisciplinar constituída por técnicos do social, engenheiros civis e economistas, com os seguintes objetivos: captar investimento e financiamento e acautelar os custos sociais e económicos decorrentes da degradação do património habitacional municipal; envolver os arrendatários municipais nas obras de conservação e reabilitação do parque habitacional; retirar ilações futuras sobre quais as perspetivas de trabalho mais adequadas em termos de elevação social e de regeneração e ocupação espacial das urbanizações municipais; adequar as metodologias de Intervenção Social, aos novos desafios/problemas decorrentes do contexto de crise financeira: aumentar o número e a qualidade das respostas de conservação e de reabilitação com sentido de racionalidade e de sustentabilidade.
Refira-se que o parque habitacional municipal tem sido encarado pelo executivo municipal como um equipamento social que providencia respostas às carências de habitação e proporciona benefícios sociais e económicos à população residente e à comunidade em geral. Na atual conjuntura social, financeira e económica, o papel do parque habitacional municipal assume, assim, uma importância fulcral, tendo em conta que a sua manutenção exige a realização de ações que promovam soluções adequadas e equilibradas para os problemas sociais e garantam, em simultâneo, uma adequada manutenção e beneficiação do edificado (nomeadamente as mais antigas em termos de edificação, que começam já a dar mostras da complexidade e urgência de respostas ao nível das infraestruturas e dos equipamentos). 

publicado às 18:16



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D