Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A Orquestra Clássica do Sul junta-se à all’Opera - Companhia de Ópera Itinerante para apresentar «Rita», ópera de Gaetano Donizetti, no dia 27 de março, no Auditório Municipal de Lagoa e, no dia 28 de março, no Cineteatro Louletano em Loulé, ambos às 21h30. A produção apresenta Sara Braga Simões (soprano) no papel de «Rita», Mário Alves (tenor) como «Beppe» e Job Tomé (barítono) interpreta «Gasparo», com encenação por António Durães e direção musical por Rui Pinheiro, Maestro Titular da Orquestra Clássica do Sul, realçando-se ainda a experiência e arte de Ángel González como pianista acompanhador.
Esta união surge com o objetivo de democratizar e dinamizar o espetáculo de ópera em Portugal, levando produções a novos públicos e a locais tradicionalmente não associados a este tipo de evento, a qual a OCS integrou no seu ciclo de programação «Ópera ou Dramma per Musica», que propõe uma viagem por este mundo fascinante em versões semiencenadas de óperas de pequena dimensão e espetáculos incluindo árias e cenas de ópera. A all’Opera - Companhia de Ópera Itinerante estreou-se em agosto de 2014 e é composta por um grupo de cantores líricos com provas dadas internacionalmente no campo da ópera e reconhecidos como grandes valores do atual panorama nacional da música clássica.

publicado às 13:24

O mês de março é marcado por três importantes efemérides ambientais: o Dia Mundial da Floresta (21 de março), o Dia Mundial da Água (22 de março) e o Dia Mundial da Meteorologia (23 de março). Neste âmbito, a Câmara Municipal de Loulé vai organizar, na semana de 16 a 21 de março, um vasto programa de iniciativas que têm como objetivo sensibilizar para a importância da preservação e correta gestão de recursos como a floresta e a água. Simultaneamente, nos dias 21 e 22 de março, assinala-se o 5.º aniversário do movimento Limpar Portugal 2015 (AMO Portugal), iniciativa à qual a autarquia louletana se associa mais uma vez.
As atividades comemorativas iniciaram-se no dia 16 de março, com uma atividade de sensibilização ambiental, realizada no CAL - Centro Ambiental de Loulé, no âmbito do projeto «Estação Meteorológica», com os alunos de uma turma do 7.º ano da Escola EBI Dr. Aníbal Cavaco Silva de Boliqueime. Através deste projeto pretende-se promover a compreensão do clima terrestre e da sua influência nos processos naturais e nas atividades humanas. 
Hoje, 17 de março, alguns alunos da Escola Secundária de Loulé realizarão um percurso pedestre pela Paisagem Protegida Local da Rocha da Pena, orientados e acompanhados por um técnico da Divisão de Ambiente, Espaço Público e de Transportes (DAEPT), que lhes dará a conhecer os importantes recursos florísticos, faunísticos e geológicos desta área protegida de características ímpares. Nessa manhã, terá ainda lugar uma das ações de sensibilização do projeto «Para além da Água – Vida na Ribeira», na Ribeira da Menalva, localizada na Paisagem Protegida Local da Fonte Benémola, com os alunos do 4.º ano da escola EBI Dr. Aníbal Cavaco Silva de Boliqueime.
Este projeto tem com objetivo levar os alunos a descobrir um curso de água da sua região, através de atividades de exploração e observação das formas de vida que nele existem. Com a realização de diversas visitas de campo ao local e ao longo das várias sessões, os alunos vão caracterizar o curso de água, através de desenhos e escrita criativa, observarão as alterações ao longo das estações e tentarão observar e registar as diferentes espécies de flora e fauna ali existentes.
Na manhã do dia 18, é a vez dos alunos do 3.º e 4.º ano da escola EB1 Vale Silves participarem no atelier «Unidos pela Água», no Centro Ambiental de Loulé, através do qual se pretende alertar para a importância da conservação da água, seja ela doce ou salgada, e ao longo do qual as crianças terão oportunidade de compreender as diferenças entre estes dois tipos de água através de experiências e realizar um jogo didático sobre a água. Durante a manhã do dia 19 de março, irá realizar-se uma ação de plantação de espécies autóctones, cedidas pela Autarquia, na escola EB 2,3 Padre João Coelho Cabanita, com a participação dos alunos do Curso de Educação e Formação de Jardinagem e Espaços Verdes que, deste modo, contribuem e dão continuidade ao seu trabalho de embelezamento do seu espaço exterior. Ainda na manhã deste dia terá lugar no Parque Municipal, em Loulé, uma ação de plantação de espécies cedidas pela Autarquia, realizada pelos pais e alunos da Creche Espaço Infantil, que deste modo pretendem também assinalar o Dia do Pai.
No dia 20 de março, os técnicos da Divisão de Ambiente, Espaço Público e de Transportes e da Divisão de Proteção Civil e Vigilância da Câmara Municipal de Loulé associam-se a técnicos de outras quatro entidades (GIPS, SEPNA, Sapadores Florestais da Serra do Caldeirão e Bombeiros) na dinamização do Peddy Paper «Trilho pela Floresta». Realizada na Paisagem Protegida Local da Fonte Benémola, esta atividade contará com a participação de todos alunos das escolas EB1 de Alte, Benafim e Tôr que, ao longo de um percurso pré-definido, terão que realizar jogos e tarefas subordinados a questões ambientais, com destaque para a floresta e para a correta gestão de resíduos. Esta é ainda uma forma de dar a conhecer aos mais novos esta importante área protegida do Concelho de Loulé, sítio de beleza natural ímpar, onde predomina a riqueza da fauna e flora o que torna imperdível a sua exploração.
Na manhã do dia 21 de março, Dia Mundial da Floresta, terá lugar, no Mercado Municipal de Loulé e na Praça do Mar, em Quarteira, a já habitual distribuição de espécies arbóreas e arbustivas à população. Nessa manhã, numa cerimónia simbólica, serão ainda entregues 22 talhões das Hortas Sociais de Loulé aos novos utilizadores deste espaço. As Hortas Sociais de Loulé passam assim a beneficiar 38 munícipes que deste modo, podem cultivar e usufruir de produtos agrícolas frescos, produzidos por si e pelo seu agregado familiar. Para finalizar as atividades comemorativas, na tarde do dia 21 de março, será inaugurado o jardim da Fundação Manuel Viegas Guerreiro, em Querença. Também nesta aldeia terá lugar uma palestra subordinada à temática «O valor e significado das plantas silvestres», proferida por Rosa Pinto, professor da Universidade do Algarve. Ambas as iniciativas contam com o apoio e colaboração da Autarquia louletana. 

publicado às 10:29

O Salão Nobre da Câmara Municipal de Loulé acolheu, no passado dia 12 de março, a cerimónia de apresentação pública dos VI Jogos de Quelfes, uma iniciativa que este ano tem por anfitriões os concelhos de Faro, Loulé, Olhão, São Brás de Alportel e Tavira, contando ainda com a participação de Albufeira e de Silves, e que se integra na programação de «Loulé Cidade Europeia do Desporto 2015». Perante uma plateia composta por diretores de agrupamentos de escolas, professores, autarcas, comunicação social e amigos da educação e do desporto em geral, e depois da projeção de um emotivo vídeo sobre a mensagem dos Jogos de Quelfes, os presidentes dos municípios de Loulé e São Brás de Alportel, conjuntamente com os vereadores do pelouro das autarquias de Olhão e Tavira, em representação das respetivas câmaras, enfatizaram a importância destes Jogos enquanto ponto de encontro e reflexo de uma proposta de modelo educativo que se pretende cada vez mais abrangente.
Foi então dada a palavra a Gustavo Marcos, percursor desta iniciativa, para um enquadramento geral destes VI Jogos de Quelfes, à qual se seguiram intervenções pelos representantes de cada comissão setorial, no esclarecimento daquilo que serão os torneios desportivos, seu enquadramento, âmbito e participação, com claro destaque para a novidade que é a introdução do desporto adaptado. Realçadas foram igualmente algumas características que fazem deste evento algo de único e muito especial, como é o caso de todas as equipas lerem um texto elogioso ao adversário antes de qualquer partida, a ênfase colocada na superação pessoal ou a promoção da responsabilidade social, através de ações como a recolha das tampas das garrafas de água para propósitos humanitários. A encerrar, o presidente da Academia Olímpica de Portugal, em representação do Movimento Olímpico, felicitou todos os envolvidos na iniciativa, reforçando a importância deste evento para o Olimpismo nacional e da necessidade de efetivar, nomeadamente junto dos mais jovens, a dimensão humanista do Olimpismo, num ano em que o Algarve se prepara para receber, pela quarta vez, a Sessão Anual da Academia Olímpica (em maio, em Loulé).
De 11 a 19 de abril, está assim prometida uma grande festa do desporto e da cultura para todas as escolas participantes, cujos alunos, sob o lema do Olimpismo, terão oportunidade de disfrutar de instalações desportivas de elevadíssima qualidade, como é o caso do Estádio Algarve, das Piscinas Municipais de Quarteira ou do Pavilhão Dr. Eduardo Mansinho (Tavira). A cerimónia de abertura está agendada para as 17h do dia 11 de abril, no Auditório Municipal de Olhão, e a de encerramento para as 16h do dia 19, no Pavilhão Municipal de São Brás de Alportel.
Recorde-se que os Jogos de Quelfes são, atualmente, o maior e mais emblemático evento de promoção do Olimpismo direcionado ao 1.º Ciclo do Ensino Básico em Portugal e também o único, no nosso país, a merecer a chancela da Academia Olímpica Internacional e do Centro Internacional para a Trégua Olímpica, instituições que no seio do Movimento Olímpico, se dedicam à promoção do Olimpismo enquanto filosofia de vida e da paz.

publicado às 17:25

Querença vai ter jardim mediterrânico

por Daniel Pina, em 16.03.15
No âmbito das comemorações do Dia Mundial da Floresta, no próximo sábado, 21 de março, é inaugurado na Fundação Manuel Viegas Guerreiro, em Querença, um jardim exemplificativo do espaço mediterrânico. Na ocasião, o presidente da Autarquia de Loulé, Vítor Aleixo, irá plantar simbolicamente um loureiro, uma das plantas que existia na Europa há mais de 60 milhões de anos, numa altura em que o Continente era dominado pela floresta tropical, e que resistiu à época glaciar. De referir que o loureiro está também na origem da lenda da cidade de Loulé (Laurus est).
Esta inauguração é antecedida por uma conferência subordinada ao tema «O valor e significado das plantas silvestres», proferida por Rosa Pinto, professor da Universidade do Algarve, que tem lugar pelas 16h, na sede da Fundação Manuel Viegas Guerreiro. Durante a manhã deste Dia Mundial da Floresta, a Câmara Municipal de Loulé promove ainda uma cerimónia simbólica de entrega de 22 talhões das Hortas Sociais de Loulé a novos utilizadores deste espaço. As Hortas Sociais passam, assim, a beneficiar 38 munícipes que deste modo podem cultivar e usufruir de produtos agrícolas frescos, produzidos por si e pelo seu agregado familiar.

publicado às 14:32

Artes Marciais em destaque em Quarteira

por Daniel Pina, em 16.03.15


Teve lugar, no dia 14 de março, o 14.º Torneio de Artes Marciais «Cidade de Quarteira», no Pavilhão Desportivo da Escola E.B.2,3 de Quarteira n.º2. A prova foi organizada pela secção de Karaté do Quarteirense e pela União Shitoryu Portugal e contou com a presença de atletas de vários clubes algarvios, nomeadamente, o Karaté Clube de Loulé, a Escola de Karaté do Algoz, a Escola Karaté de Almancil, a Escola Karaté de Salir, o Karaté Clube Albufeira, o Clube Karaté de Lagos e do Quarteirense.
A participar estiveram cerca de 60 atletas a disputar as 11 categorias de Karaté e Kobudo distribuídas por vários escalões, entre os 6 e os 19 anos. Recorde-se que a prova faz parte do calendário competitivo da União Shitoryu Portugal e desde há vários anos que tem uma grande importância a nível distrital. A entrega de prémios contou com Telmo Pinto, Presidente da Junta de Freguesia de Quarteira, e José João Guerreiro, Presidente do Quarteirense.

Resultados Kata
Kobudo - 1ª Madalena Alegre KARATE CLUBE ALBUFEIRA, 2.º Alexandre Correia KARATE CLUBE LOULÉ;
Infantil Masculino – 1.º Rodrigo Brito QUARTEIRENSE, 2.º Rafael Martins KARATE CLUBE LOULÉ, 3.º Jesse Velosa QUARTEIRENSE, 3.º Daniel Balhote CLUBE KARATE LAGOS; 
Infantil Feminino – 1ª Helena Coelho QUARTEIRENSE, 2ª Nereida Lameiro KARATE CLUBE ALBUFEIRA, 3ª Joana Caetano KARATE CLUBE ALBUFEIRA, 3ª Solange Coelho KARATE CLUBE ALBUFEIRA;
Iniciado até Cinto Amarelo – 1ª Margarida Espadinha ESCOLA KARATE ALMANCIL, 2.º Xavier Bolotinha QUARTEIRENSE, 3.º Eduardo Zubach KARATE CLUBE ALBUFEIRA, 3ª Catarina Sousa KARATE CLUBE LOULÉ; 
Iniciado + Cinto amarelo – 1ª Marta Scotto KARATE CLUBE LOULÉ, 2.º Simão Gomes KARATE CLUBE LOULÉ, 3ª Matilde Alegre KARATE CLUBE ALBUFEIRA, 3ª Daniela Martynchuk KARATE CLUBE ALBUFEIRA; 
Juvenil – 1.º Alex Davoudian QUARTEIRENSE, 2.º Diogo Guerreiro CLUBE KARATE LAGOS, 3.º João Silva QUARTEIRENSE, 3.º João Brito KARATE CLUBE ALBUFEIRA; 
+ 14 anos – 1ª Madalena Alegre KARATE CLUBE ALBUFEIRA, 2.º Alexandre Correia KARATE CLUBE LOULÉ, 3.º António Mendes KARATE CLUBE LOULÉ, 3.º Dorin Gujuman KARATE CLUBE LOULÉ.

Resultados Kumite
Iniciado Masculino – 1.º Alexandre Melnitchi KARATE CLUBE ALBUFEIRA, 2.º Simão Gomes KARATE CLUBE LOULÉ, 3.º Rafael Correia KARATE CLUBE ALBUFEIRA, 3.º Eduardo Zubach KARATE CLUBE ALBUFEIRA; 
Iniciado Feminino – 1ª Matilde Alegre KARATE CLUBE ALBUFEIRA, 2ª Daniela Martynchuk KARATE CLUBE ALBUFEIRA, 3ª Marta Scotto KARATE CLUBE LOULÉ, 3ª Catarina Sousa  KARATE CLUBE LOULÉ; 
Juvenil – 1.º Alex Davoudian QUARTEIRENSE, 2.º João Silva QUARTEIRENSE, 3.º Fábio Carmo CLUBE KARATE LAGOS, 3ª Beatriz Cavaco ESCOLA KARATE ALMANCIL;
+14 anos – 1.º Dorin Gujuman KARATE CLUBE LOULÉ, 2.º Alexandre Correia KARATE CLUBE LOULÉ, 3.º António Mendes KARATE CLUBE LOULÉ.

publicado às 11:40

A Casa da Cultura de Loulé, com a colaboração da Câmara Municipal de Loulé, vai realizar a XXVI Mostra Coletiva de Artes Plásticas do Concelho de Loulé, patente ao público de 27 de março a 2 de maio, no CECAL – Centro de Experimentação e Criação Artística de Loulé, Parque Municipal. Esta Mostra pretende continuar a juntar artistas de várias gerações, independentemente dos seus percursos artísticos ou formativos, estimulando a criação artística e promovendo o contacto direto entre os artistas.
Os interessados em participar nesta iniciativa poderão apresentar os seus trabalhos de pinturas e/ou esculturas, sendo que as mesmas não poderão ter sido expostas em mostras anteriores. Cada artista poderá apresentar, no máximo, dois trabalhos. No caso do número de trabalhos exceder a capacidade da sala, a organização pode decidir apresentar apenas uma obra por artista.
A entrega dos trabalhos deverá ser efetuada obrigatoriamente na Casa da Cultura (Parque Municipal de Loulé), entre os dias 16 e 20 de março, das 11h às 13h e das 17h às 19h. Só será permitida a participação na Mostra de artistas nascidos ou residentes no Concelho de Loulé.

publicado às 11:24

Loulé aposta no Turismo Criativo

por Daniel Pina, em 14.03.15
A Autarquia de Loulé está a desenvolver o projeto Turismo Criativo, através do qual quer oferecer aos viajantes a possibilidade de fazer uma imersão na Cultura do Concelho, proporcionando-lhes vivências únicas, por meio de experiências e de aprendizagens. Em parceria com os agentes locais, a Câmara de Loulé apresenta um programa diversificado, com workshops, cursos de curta duração, fins-de-semana temáticos e outras atividades, inseridas nos temas Arte, Artesanato, Gastronomia, Património e Ritmo.
Pretende-se, desta forma, criar o ambiente perfeito para que o visitante se integre no espírito do lugar, conheça as suas gentes e desenvolva aprendizagens pessoais enriquecedoras. Juntam-se a esta estratégia vários empreendedores locais, artesãos, empresas e artistas, que vão abrir as portas aos visitantes, para lhes dar a oportunidade de descobrir a nossa cultura, por dentro e em interação. Por outro lado, esta é também uma oportunidade para surgirem novas atividades e novos empreendedores que incorporem a cadeia económica do turismo e contribuam para manter e inovar as tradições, festejar a identidade e criar um ecossistema favorável à criatividade.
Turismo Criativo é um projeto que quer tornar Loulé um local de visita obrigatória para quem quer uma experiencia única e um local dinâmico e que fixe (novos) talentos. Uma «nova geração do Turismo» (assim designada pela UNESCO) está a crescer significativamente pelo mundo inteiro e procura participar ativamente na cultura, tradições e modo de vida dos residentes, em interação com as gentes e o carácter singular do destino turístico. Em Loulé, as diversas manifestações do seu riquíssimo Património Cultural, assim como expressões artísticas mais contemporâneas são matéria experiencial e criativa impar.

publicado às 11:27

A 21 de março, Dia Mundial da Poesia, e no âmbito das Comemorações dos oito séculos da Língua Portuguesa, o Cine-Teatro Louletano apresenta «Chico em Pessoa», com a artista brasileira Valéria Carvalho. Trata-se de um espetáculo que, aliando a música à poesia, coloca Chico Buarque e Fernando Pessoa de braço dado.
O que diriam sobre os seus personagens se algum dia se pudessem encontrar? Um espetáculo ousado e irreverente. Valéria Carvalho corajosamente dá vida às muitas mulheres de Chico Buarque, num universo real e suburbano. A adúltera, a dona de casa, a viúva, até às mulheres «da vida», todas desvendadas por Fernando Pessoa que pontua e dá consciência a estes personagens ricos e controversos.

publicado às 11:12


O maior DJ da atualidade e um dos produtores mais requisitados internacionalmente, David Guetta, vai atuar no dia 14 de agosto em Quarteira, naquele que será um dos espetáculos mais aguardados do verão e a maior festa do ano no Algarve. Numa organização da PEV ENTERTAINMENT e UAU, em estreita parceria com a Câmara Municipal de Loulé, e com o apoio da Rádio Comercial, que também será responsável pela animação da noite, esta festa da eletrónica decorrerá no Estádio Municipal de Quarteira, junto a Vilamoura.
Numa altura em que são muitos os turistas que se encontram de férias na região, e sendo este um dos artistas que mais agrada às grandes massas e cuja música é presença assídua nos espaços de animação noturna, as expetativas para este concerto único são muitas. De Ibiza para o Algarve, David Guetta escolheu em Portugal o Concelho de Loulé para atuar em pleno mês de agosto. Quarteira/Vilamoura é um destino de relevância turística internacional, a segurança e as acessibilidades, a proximidade do aeroporto e das várias vias rápidas, as infraestruturas logísticas, bem como as facilidades ao nível da hotelaria de excelência foram fatores decisivos para esta escolha. Importante ainda referir todo o envolvimento da Câmara Municipal de Loulé como principal parceiro deste grande evento.
Com o novo álbum «Listen», Guetta está a anunciar o fim desta era – e a indicar o caminho da próxima. Já chegou ao número 1 do top do iTunes desde o seu lançamento, assim como atingiu o n.º1 nos álbuns de dança nos Estados Unidos e Reino Unido, cimentando ainda mais o título de «melhor do mundo». 

publicado às 11:56

No seguimento da aposta da Câmara Municipal de Loulé na descentralização dos serviços e numa aproximação aos munícipes, no segundo trimestre deste ano a Autarquia irá estender a realização das reuniões camarárias a Quarteira e Almancil. Se no caso de Quarteira, ao longo dos últimos anos, a realização destas reuniões tem sido uma realidade, já em Almancil será a primeira vez que esta vila acolherá uma sessão camarária
Uma vez que todas as reuniões de Câmara em Loulé são públicas, os munícipes e público em geral poderão assistir a estas sessões e inclusive expor as suas questões ao executivo, durante o período de intervenção do público. Assim, a calendarização das reuniões para o segundo trimestre é a seguinte: 8 e 22 de abril, em Loulé; 6 de maio, em Almancil, e 20 de maio, em Loulé; 9 de junho, em Quarteira, e 24 de junho, em Loulé. O início das sessões está marcado para as 14h30.
Refira-se que no caso da sede do Concelho, as sessões têm lugar no Salão Nobre dos Paços do Concelho. Em Quarteira decorrem no Centro Autárquico e, em Almancil, no auditório da Escola EB 2,3 Dr. António de Sousa Agostinho. 

publicado às 11:43

A Câmara Municipal de Loulé inicia, no 16 de março, e até 3 de abril, um período de auscultação e receção de propostas com vista ao melhoramento do conjunto de Normas de Participação do projeto do Orçamento Participativo (OP).  A iniciativa visa o contínuo aprofundamento da participação da população do Concelho ao nível do seu envolvimento no projeto de cidadania que é o Orçamento Participativo, com vista a que os munícipes possam contribuir não apenas com as suas propostas de investimento, mas também na elaboração do conjunto de regras e normas relativos ao OP.
No final deste período, todas as propostas recebidas serão alvo de estudo e análise aprofundada por parte da equipa de projeto do Orçamento Participativo com o objetivo de selecionar aquelas que, dentro do modelo previamente definido e já implementado, contribuam para um melhor aperfeiçoamento de todo o processo. Recorde-se que, na primeira edição desta iniciativa, das 130 propostas iniciais que resultaram das 11 sessões presenciais realizadas nas freguesias, foram submetidos a votação 33 projetos que obtiveram 7448 mil participações, entre votos eletrónicos (SMS) e votos presenciais, numa clara manifestação de envolvimento da população neste projeto pioneiro no Algarve e um dos mais importantes do país, nomeadamente pelo número de adesão no ano de implementação.

publicado às 11:25

Quarteira volta a receber uma das principais provas de Triatlo em Portugal, nos dias 21 e 22 de março, o XIV Triatlo Prof. Carlos Gravata – Cidade de Quarteira 2015, que se insere na Taça da Europa de Elites, Taça da Europa de Juniores e Campeonato Nacional de Clubes. À semelhança de edições anteriores,  o evento conta com cerca de três centenas de triatletas estrangeiros, nomeadamente europeus, mas também a presença dos melhores triatletas nacionais.
Os participantes começam a prova com o percurso de natação, segue-se o ciclismo e finalmente o atletismo. No sábado, dia 21, decorre a Taça da Europa de Elites, com a prova feminina a arrancar às 13h45 e a prova masculina às 16h30. No domingo, dia 22, é a vez dos juniores femininos (8h45) e masculinos (10h) entrarem em ação na Taça da Europa. Às 11h30 decorre o Campeonato Nacional de Clubes que contará com a presença da nata do triatlo português.
Recorde-se que este Triatlo constitui um dos muitos eventos desportivos internacionais que o Concelho de Loulé recebe anualmente e, nessa medida, é também um cartaz turístico por excelência, já que atrai muitos visitantes que nesta altura do ano contribuem para a dinamização da economia local. No ano em que Loulé é Cidade Europeia do Desporto, o Triatlo de Quarteira é um dos principais eventos integrados nesta programação desportiva. Por outro lado, pretende prestar homenagem ao principal promotor da prova, o Professor Carlos Gravata, que foi o grande mentor, organizador e impulsionador deste Triatlo.
O Triatlo de Quarteira é uma organização conjunta da Câmara Municipal de Loulé, Federação de Triatlo de Portugal, European Triathlon Union e Junta de Freguesia de Quarteira.


publicado às 13:33

A Área Empresarial de Loulé continua a promover a cooperação empresarial entre as cerca de 130 empresas instaladas e a procurar captar novas iniciativas económicas, capazes de gerar emprego e valorizar competências e recursos na região. A segunda edição do «Pequeno-Almoço com Negócios», realizada no dia 3 de março, nas instalações do NERA, visou a divulgação do que cada empresa tem para oferecer, estimulando o interesse na aquisição de bens e serviços dentro da AEL, entre as duas dezenas de empresas presentes.
Na vertente de promoção do empreendedorismo e captação de empreendedores para a AEL, vai decorrer até 31 de março a segunda fase de candidaturas ao AEL EMPREENDE, que permitirá aos portadores de ideias de negócio ou de projetos empresariais selecionados ser apoiados na Elaboração de Planos de Negócios, no Coaching Empresarial, na Captação de Financiamento e na Pré-incubação. Os investimentos e a dinamização em curso são, em parte, financiados através do Sistema de Apoio a Áreas de Acolhimento Empresarial e Logística - Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, no âmbito do Quadro de Referência Estratégico Nacional – 2007-2013, ao abrigo do Programa Operacional do Algarve – PO Algarve 21.

publicado às 16:57

Teve lugar, no dia 10 de março, a assinatura dos contratos-programa entre a Câmara Municipal de Loulé e 23 clubes que têm vista o desenvolvimento desportivo do Concelho. Através desta iniciativa, a Autarquia atribuiu um montante superior a 500 mil euros para que estas coletividades possam levar a cabo o seu projeto de dinamização desportiva durante o presente ano.
Como explicou o vice-presidente da Câmara de Loulé, Hugo Nunes, este ano verificaram-se algumas alterações neste processo, nomeadamente em termos da redução da burocracia, antecipação do período de abertura das candidaturas e do período de análise das mesmas. “Entendemos que faria sentido aprovar o maior número possível de contratos-programa em simultâneo para que ficasse claro que este é um instrumento de contratação com os clubes e não um instrumento exclusivo do clube a, b, ou c”, referiu o vereador do desporto. Entre os critérios de atribuição dos montantes destacam-se o número de atletas que o clube mobiliza, o número de atletas federados do Concelho que integra e o nível competitivo da prática desportiva (local, regional, nacional ou até internacional). São estes fatores que, de acordo com Hugo Nunes, justificam as variações financeiras verificadas relativamente aos valores do contrato-programa do ano passado na esmagadora maioria dos clubes, seja em termos de aumento ou de redução nas verbas atribuídas.
No entanto, este responsável frisou que “há uma tendência de convergência e de aproximação dos valores” e que em 2015 a grande maioria dos clubes “tem mais financiamento do que o ano passado resultante de terem mais atletas envolvidos no projeto ou porque houve um aumento do nível competitivo”. Para Hugo Nunes, estes contratos-programa de desenvolvimento desportivo e o protocolo de cedência das infraestruturas municipais “são as duas medidas mais relevantes para a promoção do desporto no Concelho de Loulé”, já que uma diz respeito ao apoio financeiro direto e outra diz respeito à criação de condições para a utilização das instalações que o Município disponibiliza para a prática desportiva. “Para muitas pessoas, estes contratos-programa não são mais do que a maneira que a Câmara entrega dinheiro aos clubes. Mas para vocês são contratos que ajudam a suportar financeiramente o papel que todos os clubes têm no Município, que é a dinamização da promoção da prática desportiva”, afirmou ainda o vereador do desporto.
Já o presidente da Autarquia, Vítor Aleixo, salientou o facto de este ano terem sido clarificados os critérios e regras que presidem no apoio dado aos clubes. “Há uma disposição muito clara de estimular aqueles que se empenham. Temos que diferenciar positivamente aqueles dirigentes e clubes que encontram em si a dinâmica para trazer cada vez mais um maior número de jovens praticantes para as várias modalidades desportivas”, explicou. “Temos um Concelho com uma forte dimensão desportiva. As câmaras municipais investem muito na formação e na prática do desporto da nossa juventude. Não queremos deixar de ter e de consolidar essa tradição e de a desenvolver”, disse o autarca.
Vítor Aleixo enalteceu ainda a prática do desporto informal que constitui, de resto, um dos grandes objetivos da Autarquia em matéria de política desportiva. “Cada vez mais pessoas, sem grandes ligações orgânicas aos clubes, ou mesmo nenhuma, informalmente, comparecem em maratonas, caminhadas ou a andar de bicicleta. Este é um facto muito positivo que o Município e os clubes devem procurar estimular porque o ideal seria que um número muito significativo da população se habituasse e incorporasse em si como hábito e cultura de vida a prática do desporto”, referiu o presidente da Câmara Municipal de Loulé.
Refira-se que celebraram estes contratos-programa a Associação de Pais e Amigos da Ginástica de Loulé, Casa da Cultura de Loulé, Club BTT Terra de Loulé, Clube Basket de Quarteira «Tubarões», Clube de Ténis de Quarteira, Clube de Tiro de Loulé, Clube Desportivo Recreativo Quarteirense, Clube Hípico de Loulé, Clube Internacional da Marina de Vilamoura, Clube de Petanca «Escola de Loulé», Ginástica Clube de Loulé, Grupo Desportivo Barreiras Brancas, Grupo Desportivo Ameixialense, Internacional Clube de Almancil, Juventude Sport Campinense, Louletano Desportos Clube, Moto Clube de Quarteira – Asas da Cidade, Motoclube de Loulé, Quarteira Sport Clube, Rugby Clube de Loulé, União Shito Ryu Portugal, Sociedade Recreativa Almancilense e Clube Desportivo de Boliqueime.

publicado às 13:49

No próximo fim-de-semana, dias 14 e 15 de março, o Pavilhão Desportivo Municipal de Loulé recebe o Campeonato Nacional de Boccia 2015 – Zonas Centro, Sul e Ilhas para as classes BC1, BC2, BC4, BCE. Numa organização da Federação Portuguesa de Desporto para Pessoas com Deficiência, com o apoio da Câmara Municipal de Loulé, esta é mais uma iniciativa que integra o programa de «Loulé Cidade Europeia do Desporto 2015».
No sábado, dia 14, a competição arranca pelas 10h e estende-se até às 18h. Já no domingo, dia 15, os jogos têm início às 10h e as finais estão marcadas para as 11h. O Torneio de Boccia Sénior realiza-se entre as 10h e as 13h. O evento finaliza com a cerimónia de encerramento e entrega de medalhas.
O Boccia é uma modalidade de cariz universal, descendente de um jogo da Antiga Grécia, que progrediu através do Império Romano, tendo vindo a dar origem a uma vasta gama de jogos, entre os quais o bowling e a petanca. Foi introduzido em Portugal em 1983, durante um curso organizado pela APPC (Associação Portuguesa de Paralisia Cerebral), em estreita colaboração com a CP – ISRA (Associação Internacional de Desporto e Recreação para a Paralisia Cerebral). As vertentes de jogo vão do lazer e recreação ao mais alto nível de competição e é reconhecido neste âmbito pelas entidades oficiais a nível mundial, tendo sido eleito como modalidade Paralímpica em 1984, nos jogos de Nova Iorque.
É um desporto indoor, de precisão, em que são arremessadas bolas, seis de couro azuis e seis vermelhas, com o objetivo de as colocar o mais perto possível de uma bola branca chamada de «jack» ou bola alvo. É permitido o uso das mãos, dos pés ou de instrumentos de auxílio para atletas com grande comprometimento nos membros superiores e inferiores. A modalidade pode ser disputada de forma individual, pares ou por equipas e não há limite de idade para a sua prática. É um jogo misto e pode ser jogado por pessoas portadoras ou não de dificuldades físicas ou motoras. Os recursos materiais, assim como as Regras de Boccia, foram adaptados de forma a possibilitar a prática a pessoas que tenham dificuldades motoras.
A Boccia é a modalidade principal para atletas portadores de paralisia cerebral. A habilidade, agilidade e inteligência tornam-se fundamentais no desenvolvimento das jogadas, assistindo-se muitas vezes a um verdadeiro espetáculo de alternância da vantagem, através da aplicação de técnicas e táticas adequadas a cada circunstância. Portugal conta com vários atletas de reconhecido mérito e valor internacional e, fruto disso mesmo, é presença nos tops dos rankings mundiais da modalidade.

publicado às 13:57

A marchadora do Clube Oriental de Pechão, Ana Cabecinha, é a convidada de mais uma sessão de «Individualidades na Escola», que decorre esta quinta-feira, 12 de março, pelas 10h30, na Escola Básica n.º2 de Quarteira. Depois de um honroso 8.º lugar nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008, Ana Cabecinha manteve o seu nível exibicional e os seus resultados num nível de excelência, sagrando-se desde 2008, Campeã Ibero-Americana, e tendo conseguido lugares no Top 10 do Campeonato do Mundo e do Campeonato da Europa, 7.º e 8.º lugar, respetivamente. Nas Olimpíadas de Londres (2012), manteve a conquista de um lugar no top 10, com um brilhante 9.º lugar. Campeã do Mundo por equipas na Taça do Mundo México 2010, Ana Cabecinha é recordista nacional dos 10 mil metros e 20 quilómetros e 3 000 metros Pista Coberta.
No âmbito de «Loulé Cidade Europeia do Desporto 2015», a Câmara Municipal de Loulé, em colaboração com as escolas do Concelho, criou o projeto «Individualidades na Escola», focado nas crianças, nos jovens alunos que serão o futuro, até porque é na escola que está grande parte dos oito mil atletas que diariamente praticam desporto neste Concelho. Nesse sentido, os objetivos deste projeto passam por levar aos estabelecimentos de ensino individualidades que constituem referências do desporto nacional e internacional, de forma a interagirem com os alunos, promovendo e abordando a sua modalidade, a sua carreira desportiva, os eventos relevantes em que tenham participado, valorizando a escola, a cidadania e os hábitos de vida saudáveis.  

publicado às 12:03

O segundo sábado de março, dia 14, traz mais uma vez a iniciativa «Famílias no Museu», que decorrerá na Alcaidaria do Castelo. Desta vez, pretende-se promover uma oficina para pais e filhos inspirada na cerâmica de época islâmica, em mais uma atividade inserida no 20.º aniversário do Museu Municipal de Loulé.
O artista plástico e oleiro Ricardo Lopes irá coordenar esta iniciativa onde os participantes irão perceber que técnicas eram utilizadas durante esse período e irão igualmente experimentar fazer uma peça para levar para casa. A atividade, dirigida a crianças entre os 7 e os 12 anos, acompanhadas por um adulto, decorre das 14h às 17h.

publicado às 20:19

Com o objetivo de promover o Algarve, em particular o Concelho de Loulé, como local para a realização de produções audiovisuais, tanto nacionais como internacionais, contribuindo para o desenvolvimento do setor do cinema, multimédia e audiovisual na região, foi celebrado, no dia 6 de março, no Hotel Conrad, na Quinta do Lago, um protocolo entre o recém-criado Loulé Film Office e a Algarve Film Comission. Nesta cerimónia, que contou com a presença de várias personalidades ligadas à produção audiovisual na região, bem como convidados internacionais da área do cinema, foi ainda apresentado o Loulé Film Office, a primeira estrutura do género existente no Algarve.
Através desta parceria entre as duas entidades, pretende-se fazer o acompanhamento das fases de desenvolvimento, distribuição e promoção, divulgando as capacidades e recursos naturais, históricos, culturais, humanos e técnicos existentes na região, criando um clima favorável ao relacionamento entre o setor público e os produtores do setor do cinema e audiovisual que motive a escolha do Concelho para a rodagem de produções nacionais e estrangeiras. A ideia é promover o Concelho e o desenvolvimento da economia do cinema e do audiovisual através do apoio logístico à realização de produções audiovisuais.
Jacques le Mer, presidente da Algarve Film Comission, salientou o facto de Loulé ter sido a primeira autarquia algarvia a conseguir ter “um Film Office de verdade, com a qual a Algarve Fim Comission poderá trabalhar a sério”. Apesar das dificuldades iniciais da estrutura que representa, Jacques le Mer acredita esta cooperação poderá ser muito positiva. A realização de uma longa-metragem filmada integralmente no Algarve, nomeadamente durante o inverno, é um dos sonhos deste responsável desde que está à frente dos destinos da Algarve Film Comission. “Apesar das condições que o Algarve tem, que permitem fazer qualquer coisa em qualquer altura do ano, continua a estar ligado fundamentalmente às férias de verão com praias. Poucas pessoas sabem que o Algarve tem muitas outras coisas”, referiu Jacques le Mer.
Já o presidente da Câmara de Loulé, Vítor Aleixo, reportou-se a este protocolo como “um encontro de vontades para potenciar na nossa região uma atividade que claramente tem duas vertentes: uma cultural e outra económica”. Se, por um lado, o autarca acredita que este protocolo permitirá a “produção estruturada de filmes no Algarve”, por outro, realçou o interesse económico da indústria da imagem. A continuação do festival de curtas-metragens que arrancou este ano e o apoio aos jovens talentos do Concelho “que têm realizado pequenas curtas-metragens e que conseguem produções de muita qualidade com recursos praticamente ínfimos” são algumas das apostas da Autarquia nesta área. “O Algarve é uma região riquíssima – temos luz, património e os algarvios que são a nossa maior riqueza. Temos muitos fatores e temos que apostar neles”, disse ainda Vítor Aleixo.
O Loulé Film Office iniciou a sua atividade em abril de 2014, com a missão dinamizar, promover e agilizar a produção de Cinema, Televisão, Publicidade e Fotografia no Concelho. Pretende-se, desta forma, captar filmagens e produções fotográficas, referenciar o Município de Loulé como um destino privilegiado com multiplicidade cénica e capacidade logística, incentivar um movimento local de produção. Este projeto, para além de estar integrado numa estratégia de aposta na Cultura, pretende igualmente contribuir para o desenvolvimento deste sector de atividade, aumentar a visibilidade do território e da sua oferta, auxiliando assim a dinamização da economia do Concelho.
Para Manuel Baptista, coordenador deste serviço municipal, o projeto Loulé Film Office liga entre si três pontos da vida do Concelho: o poder local, a produção de imagem e a promoção do território. A multiplicidade cénica e a capacidade logística instalada, nomeadamente ao nível da oferta hoteleira e das boas acessibilidades, são, segundo este responsável, fatores decisivos para o desenvolvimento deste projeto. Servir de elo de ligação entre a Autarquia e os produtores, desenvolver um conjunto de procedimentos que agilizem os processos de autorização e licenciamento junto dos serviços camarários, facilitar o acesso às localizações no espaço público com gestão autárquica e fazer a ponte com outras entidades são algumas das áreas de intervenção do Loulé Film Office.
O projeto passa também pelo apoio aos criadores locais, “não só para que ganhem experiência e capacidade de produção, mas sobretudo para que prestigiem cada vez mais o nosso território com uma produção cultural de excelência”, segundo Manuel Baptista. E desde que o Loulé Film Office iniciou a sua atividade na Autarquia, foi intensificada a produção audiovisual no Município e os números reforçam a posição de Loulé como o Concelho com mais produção audiovisual no Algarve. Em 2014, registaram-se 10 rodagens que passaram pelo Concelho, em conjugação com o Loulé Film Office, entre as quais uma para cinema, duas para televisão, quatro para videoclips, duas para publicidade e uma para documentário. Este ano, o Loulé Film Office recebeu já quatro pedidos de localizações no Município e há algumas produções, até de grande dimensão, asseguradas. No que respeita à capacidade de produção, Loulé conta já com algumas empresas a produzir com regularidade, bem como empresas especializadas no aluguer de equipamento para cinema e fotografia. Está também em estudo a criação de um estúdio de iniciativa privada.
Aproveitando a assinatura do protocolo, o Loulé Film Office convidou um grupo de pessoas ligadas ao cinema e produção audiovisual para participarem numa visita guiada ao Concelho de Loulé. Esta comitiva, que integrou Ruben Alves, realizador de «A Gaiola Dourada», os atores Arnaud Binard e Serge Riaboukine, e a realizadora Caroline Pullman, visitou algumas das localizações/locations do Concelho, com o objetivo de dar a conhecer alguns dos locais mais apetecíveis para as produções.
A visita arrancou com uma passagem pelas zonas situadas na serra e barrocal, com especial destaque para as típicas aldeias de Alte e Querença. Seguiu-se a visita aos locais mais emblemáticos da cidade de Loulé – Mercado Municipal e Zona Histórica. Finalmente esta comitiva esteve nas principais localizações situadas no litoral, nos empreendimentos de Vilamoura, Vale do Lobo e Quinta do Lago.

publicado às 13:44

CENÁRIOS voltam a Loulé

por Daniel Pina, em 06.03.15
Oito companhias de teatro e dez peças levam o melhor do teatro a Loulé entre os dias 7 de março e 26 de abril. O CENÁRIOS – X Mostra de Teatro de Loulé é uma iniciativa promovida pela Câmara Municipal de Loulé que pretende promover o teatro junto de vários públicos e, simultaneamente, incentivar os grupos de teatro do Concelho a prosseguirem o seu trabalho, através da atribuição de uma Bolsa de Apoio ao Teatro.
Este ano participam na Mostra a Associação Artística Satori, Teatro Análise de Loulé, Teatro da Estrada, Arte de Viver – Universidade Sénior e Ao Luar Teatro, em representação das companhias do Concelho, e os grupos profissionais A Barraca, Água Ardente Produções Teatrais e Companhia Caótica. Os espetáculos têm lugar em vários espaços das freguesias do Concelho e no Cine-Teatro Louletano.
O evento arranca já este sábado, com a peça «Modus Vivendis», pela Associação Artística Satori, que sobe ao palco do Centro Comunitário de Benafim, pelas 16h. À noite, pelas 21h30, é a vez do Cine-Teatro Louletano receber o espetáculo «Funcionário Público», apresentado pelo Teatro Análise de Loulé. Nas freguesias, a entrada para os espetáculos é livre, enquanto, no Cine-Teatro, os preços variam de acordo com o espetáculo.

publicado às 13:42

De 14 de março a 4 de abril, vai estar patente ao público, na Galeria de Arte da Praça do Mar, em Quarteira, a Exposição de Fotografia «Magic Moments» (Momentos mágicos na Natureza no Algarve, na Costa Vicentina e no Alentejo), de Viola Catarina. Viola Rex-Noelke nasceu em Peine, Alemanha. Vive em Portugal, no Algarve, desde os anos 80. Fez várias viagens de fotografia com o foto designer Günter Franz, Bremen. Estudou pintura com Monika Zistl, Tutzing e Fernando Grade e realizou diversas exposições, quer na Alemanha, quer em Portugal.
Desde muito jovem a sua paixão é a fotografia e, com a câmara, mostra a sua visão dos momentos. Na exploração destes momentos, sabe que irá descobrir algo de especial, sempre o momento e se, por vezes, a rapidez é importante, outras, pelo contrário, a artista sente-se em meditação. Portugal tem uma natureza de rara beleza que apaixona a autora, são esses momentos de contacto com a beleza que vem captando em Portugal que agora exibe nestes Momentos Mágicos.

publicado às 13:34

O sorteio realizado, no dia 5 de março, no Salão Nobre dos Paços do Concelho de Loulé, ditou os encontros ABC-Sporting e Benfica-FC Porto na meia-final da Final Four da Taça de Portugal Fidelidade Seniores Masculinos em Andebol, que se disputa este ano no Pavilhão Desportivo Municipal de Loulé, no dia 28 de março. Em simultâneo, e à semelhança do que aconteceu nos últimos dois anos, realiza-se a Final Four da Taça de Portugal Multicare Seniores Femininos, com os jogos entre o vencedor do Colégio João Barros/Madeira SAD (a realizar no dia 14 de março) e a Maiastars e o vencedor do Jac-Alcanena/Alavarium (a realizar também no dia 14 de março) e o vencedor do Passos Manuel/Stª Joana (a realizar no dia 15 de março).
Numa prova que terá uma enorme cobertura da comunicação social, as quatro meias-finais disputam-se no sábado, 28 de março, e as duas finais no dia seguinte, domingo, 29 de março. Todos os jogos podem ser vistos em direto pela Andebol TV e uma das meias-finais masculina (a definir) e a final feminina e masculina têm transmissão em direto n’A Bola TV. Para este fim-de-semana está previsto também um Torneio de Minis e uma «Clinic» destinada a treinadores que reunirá cerca de 40 participantes, numa organização conjunta com a Associação de Andebol do Algarve. Refira-se que as receitas de bilheteiras arrecadadas irão apoiar as várias instituições particulares de solidariedade social do Concelho.
Durante a cerimónia do sorteio, o presidente da Federação de Andebol de Portugal, Ulisses Pereira, garantiu que esta final trará muito e bom andebol a Loulé. Por outro lado, considerou que esta será uma oportunidade para que muitas pessoas possam vir a Loulé para ver os jogos mas também desfrutar das excelentes qualidades deste Município. “É com muito agrado que a Final Four se associa à Loulé Cidade Europeia do Desporto 2015. Enriquece a nossa modalidade o facto desta prova ser acolhida por um dos municípios que lidera o desporto na Europa ao longo deste ano. Mas queremos também dar o nosso contributo para o seu sucesso”, considerou este responsável federativo.
Por seu turno, Vítor Aleixo, presidente da Câmara Municipal de Loulé, referiu ser este o melhor momento para Loulé acolher pela primeira vez este evento que, graças à presença dos clubes mais fortes, competitivos e representativos do país, poderá constituir um novo estímulo para o desenvolvimento da modalidade em terras louletanas. “Num Concelho com uma dinâmica desportiva tão forte, não é normal que o andebol tenha uma expressão tão modesta”, considerou o edil. Vítor Aleixo falou ainda do papel que a Casa da Cultura de Loulé tem tido nos últimos anos para a promoção do andebol, com a reativação desta modalidade que no passado teve a sua importância no Atlético Sporting Clube. “Temos muita esperança que a Casa da Cultura possa desenvolver esta modalidade pois temos todas as condições para tal, nomeadamente ao nível dos equipamentos para a sua prática”, disse ainda o presidente da Câmara.

publicado às 21:18

Ruivinho Brazão apresenta livro em Loulé

por Daniel Pina, em 05.03.15
No âmbito da iniciativa «Livros Abertos», vai ter lugar na Biblioteca Municipal Sophia de Mello Breyner Andresen, em Loulé, a 19 de março, pelas 21h, uma sessão com Ruivinho Brazão, durante a qual será feita a apresentação do seu livro «Estão Vivas as Linquintinas Tradicionais em Portugal – Palavra, prazer e jogo na boca do nosso povo». A apresentação do escritor vai estar a cargo do docente da Universidade do Algarve, Pedro Ferré.
Esta obra enquadra-se na ação de pesquisa do Património Imaterial que tem sido levada a efeito pela APEOralidade na região do Algarve. Com 224 páginas, contém mais de 1100 lengalengas e trava-línguas: aos dados recolhidos em Paderne (partes I e II) juntam-se, não sem alguma visão contrastiva, enunciados de outras comunidades, como as de Albufeira e Loulé (Parte III). A ilustração do livro teve a orientação de Joana Lessa, no âmbito da Unidade Curricular «Design de Comunicação III» e resulta da colaboração do Curso de Design de Comunicação da Escola Superior de Educação e Comunicação da Universidade do Algarve com a APEOralidade, iniciativa a que se associou a FNAC Algarve que premiou o aluno em destaque na ilustração da obra.
José Ruivinho Brazão é licenciado em Filologia Clássica pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Mestre em Literatura Portuguesa (especialidade Literatura Portuguesa Medieval), tem realizado investigação no domínio da literatura tradicional oral popular desde a década de 60, na região do Algarve. Nesta área, tem tido a oportunidade de entrar em contacto com poetas populares algarvios: os repentistas. Publicou, em 1977, «Em Cima do Mar», do poeta pescador Manuel de Brito Pardal, de Quarteira, e, em 1990, «Sonhos de Emigrante», de Clementino Domingos Baeta, de Almancil. «Meus Versos Quem os Entende», de Martinho Rita Bexiga, foi publicado em 1993. É autor, em coautoria, de «Os Provérbios Estão Vivos em Portugal» (2004) e «Cancioneiro Tradicional Português» (2008).
Desde janeiro de 2003 é presidente da Associação de Pesquisa e Estudo da Oralidade. Investiu ainda na criação do grupo de poesia e cantares As Moças Nagragadas – que veio a integrar-se na Associação de Pesquisa e Estudo da Oralidade e que emerge do esforço de pesquisa, integrando seis mulheres de entre as melhores informantes da oralidade e três homens que as acompanham ao som de banjo, viola e acordeão: o Grupo inclui o típico emigrante brasileiro e veste ao jeito dos anos 30.

publicado às 13:10

A Câmara Municipal de Loulé levou a cabo uma obra de requalificação urbanística na envolvente da Igreja Nossa Senhora do Pé da Cruz, na aldeia de Querença e, a par da intervenção no local, foram criados dois espaços – um para arrumos e outra para sanitários – que servirão de apoio aos serviços religiosos e à população de Querença.
O ato de entrega das novas instalações foi feita pelo vereador da Câmara Municipal de Loulé, Pedro Oliveira, à presidente da União de Freguesias de Querença, Tôr e Benafim, Margarida Correia. As obras orçaram em cerca de 130 mil euros. 

publicado às 13:06

À semelhança de anos anteriores, a Câmara Municipal de Loulé promoveu durante a BTL – Feira Internacional de Turismo de Lisboa, que decorreu de 25 de fevereiro a 1 de março, no Pavilhão da FIL, um passatempo onde foram sorteados fins-de-semana para duas pessoas em hotéis de cinco estrelas do Concelho (Voucher Alojamento) e entradas para o Festival MED (Voucher Festival MED). Ana Fonseca (Hotel Crowne Plaza, em Vilamoura), Brigite Durão (Four Seasons Fairways, Quinta do Lago), José Santos (Tivoli Marina, em Vilamoura) e Miguel Gonçalves (Tivoli Victoria) foram os vencedores do Voucher Alojamento. Relativamente ao Voucher Festival MED, os vencedores foram Luís Pedro Mendonça, Carla Macedo, Soraia Pereira, José Ramos, José Luís Esteves e Cátia Sofia Duarte.
O Município de Loulé esteve representado nesta feira numa área integrada no Espaço Algarve, onde promoveu toda a diversidade do Concelho, das praias à gastronomia, passando pelo turismo de natureza, a cultura ou a cultura. Nesta edição da BTL, a Câmara Municipal de Loulé apostou ainda na divulgação de dois produtos turísticos – Festival MED e Turismo Criativo.
Em relação ao MED, a apresentação da edição deste ano aos profissionais, comunicação social e público teve lugar na BTL, com a presença de dois dos artistas que fazem parte do cartaz – Raquel Tavares e Tiago Bettencourt. Quanto ao Turismo Criativo, uma das mais recentes apostas na diversificação das atividades turísticas do Concelho, foi lançada uma nova brochura que integra o material promocional da Autarquia. Com este projeto, o Município de Loulé quer oferecer aos viajantes a possibilidade de fazer uma imersão na cultura do Concelho, proporcionando-lhes vivências únicas, por meio de experiências e de aprendizagens. 

publicado às 12:56

Sopa Nuvem no Cine-Teatro Loueltano

por Daniel Pina, em 03.03.15
No próximo domingo, 8 de março, pelas 15h30, a Companhia Caótica apresenta «Sopa Nuvem» no Cine-Teatro Louletano. É um espetáculo de família para famílias, com filmes, música e sopa ao vivo, uma espécie de documentário poético ao vivo, uma história verídica onde todos os personagens, objetos e a sopa que é servida aos espectadores no fim são reais.
Um homem conta-nos a sua história: o seu filho lembra-se do avô que morreu e, mais que tudo, da sopa de feijão que ele tão bem fazia. O pai parte então numa viagem, para dentro e fora de si, à procura da misteriosa receita do Avô António. Pela janela da sua sala, transformada em ecrã, o homem faz cinema ao vivo: fala com o seu filho pelo skype, entrevista velhas tias e amigos do seu pai, entra no filme para comprar feijões. Sempre em relação com o ecrã, toca a banda sonora e vai cozinhando a sopa seguindo contraditórias indicações.

publicado às 18:51

Pelo segundo ano consecutivo, a Câmara Municipal de Loulé promove a atividade de tempos livres «Férias para Todos». De 23 a 27 de março, durante o período de interrupção letiva da Páscoa, pretende-se proporcionar às crianças das escolas do ensino básico, com idades compreendidas entre os 6 e os 10 anos, diversas atividades lúdicas. Proporcionar um descanso ativo às crianças, oferecendo novas experiências e hábitos de vida saudáveis, promovendo a sociabilização, a evolução intelectual e emocional dos participantes e, simultaneamente, apoiar as famílias que se encontram a trabalhar neste período de interrupção letiva das suas crianças são os principais objetivos desta iniciativa.
As atividades são gratuitas e decorrem entre as 9h e as 17h, nas escolas sede: EB1 n.º2 de Almancil, EB 2,3 D. Dinis em Quarteira, EB1 Manuel Alves, EB1 Hortas de Santo António, EBI Boliqueime, EB1 Alte e EBI Salir. Os alunos serão acompanhados nas atividades por animadores, técnicos municipais e pessoal auxiliar. O programa prevê a utilização de equipamentos desportivos municipais, nomeadamente as Piscinas Municipais de Loulé e Quarteira, os Campos de Ténis de Loulé e Quarteira ou o minigolfe do Parque Municipal, bem como culturais, como a Biblioteca Municipal e Pólo de Quarteira, a Alcaidaria do Castelo e a Galeria de Arte do Convento Espírito Santo. Os participantes terão igualmente a oportunidade de visitar o Posto da GNR ou Quartel dos Bombeiros Municipais, e de entrar em contacto com algumas modalidade desportivas como rugby, hipismo, badmington, golfe ou basquetebol, através da presença de técnicos dos clubes nas escolas.
As inscrições decorrem até ao dia 9 de março, na escola que o aluno frequenta ou na Divisão de Educação da Câmara Municipal de Loulé (Rua Marçal Pacheco). É necessária a entrega da Ficha de Inscrição preenchida, do Cartão do Cidadão e declaração da entidade patronal com o respetivo horário de trabalho dos pais. Todos os participantes estarão cobertos pelo seguro escolar.

publicado às 13:11

Barrigas de Amor convivem em Vilamoura

por Daniel Pina, em 02.03.15
O Hotel Vila Galé Ampalius, em Vilamoura, recebe, no dia 7 de março, entre as 13h45 e as 18h, a 2ª edição do Encontro Barrigas de Amor® | Vamos ser Pais, numa ação inédita em Portugal de formação para a parentalidade totalmente gratuita. Partindo da convicção de que é necessário colocar o tema da natalidade na ordem do dia, este projeto nasceu há nove anos e tem-se revelado uma ferramenta de grande utilidade para as famílias, apostando na formação para a parentalidade e homenageando a Família.
O projeto surgiu em 2007, altura em que a taxa de natalidade registou um dos valores mais baixos de sempre. Desde então, realiza anualmente o maior evento para a Grávida e Família realizado em Portugal onde, de forma gratuita, os visitantes têm acesso a formações, workshops, atividades e animação para toda a família. Em 2015, o «Barrigas de Amor®» continua a aposta em novos formatos para estar mais perto das famílias portuguesas.
Em Vilamoura serão abordados temas relacionados com a vacinação; os mitos que condicionam o sucesso na amamentação; a importância da criopreservação; os cuidados com a pele do bebé; o sono do bebé: a importância da implementação de bons hábitos desde cedo; o parto: sinais de alerta; e saúde oral na grávida e bebé. Os participantes usufruem também das ofertas de parceiros e habilitam-se a ganhar o Kit «Vamos ser Pais», no valor de 1200 euros.

publicado às 20:41

Vai estar patente ao público, no Pólo Museológico Cândido Guerreiro e Condes de Alte, até 17 de abril, a Exposição de esculturas sobre histórias antigas de vários povos, da autoria de Maya dos Termos. A mostra consiste numa apresentação de esculturas em cerâmica que «contam» histórias antigas de vários povos.
Maya dos Termos é uma artista alemã que reside na freguesia de Alte, Concelho de Loulé, e esta é a primeira vez que esta obra é apresentada em Portugal. No âmbito desta iniciativa, para o dia 7 de março, pelas 21h, está previsto um «Serão com as Gentes de Alte», durante o qual serão contadas essas histórias por António Martins, com acompanhamento musical de Konstantin Gotzen. A Exposição pode ser visitada de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. 

publicado às 13:33

A ACRAL - Associação do Comércio e Serviços da Região do Algarve e o IAPMEI - Agência para a Competitividade e Inovação, I.P., vão promover diversas sessões de esclarecimento sobre a medida «Comércio Investe», com o objetivo de dar a conhecer às empresas comerciais um instrumento que poderá contribuir para  a dinamização do comércio de proximidade, enquanto atividade de suporte aos centros urbanos, ajudando a reduzir o processo de desertificação a que se assiste. A dotação orçamental para esta segunda fase da medida é de 20 milhões de euros, sendo que à região do Algarve está destinada uma verba de 960 mil euros a repartir de acordo com as seguintes tipologias: 432 mil euros para projetos individuais de modernização comercial e 520 mil euros para projetos conjuntos de modernização comercial.
A ação decorre, no dia 3 de março, no Café Concerto do TEMPO – Teatro Municipal de Portimão, a partir das 14h30, no dia 5 acontece, pelas 19h30, no edifício dos Paços do Concelho de Albufeira e, no dia 6, entre as 21h e as 22h30, é a vez do Auditório do Centro Autárquico de Quarteira receber semelhante iniciativa. Os participantes poderão conhecer as linhas mestras da medida «Comércio Investe», que visa a modernização e valorização da oferta do seu estabelecimento comercial, através da requalificação da fachada, remodelação da área de venda ao público, de toldos ou reclames, áreas de decoração, design de interiores, vitrinismo, entre outros.
As sessões de esclarecimento visam elucidar o tecido empresarial do Algarve acerca dos benefícios, condições de apresentação, tipologias de investimento, incentivos disponíveis, condições de elegibilidade, e demais tramites processuais relacionados com a execução de candidaturas ao regime de incentivos nesta medida. O incentivo financeiro a conceder assume a natureza de incentivo não reembolsável, correspondente a 40 por cento, podendo ir até 35 mil euros por projeto. Adicionalmente ao incentivo referido no número anterior, o projeto individual pode beneficiar de um prémio de boa execução, correspondente a uma majoração de cinco por cento do valor do incentivo apurado. Podem beneficiar dos incentivos, as micro e pequenas empresas, independentemente da sua forma jurídica, cuja atividade principal se insira na divisão 47 do CAE (exclui restauração). 

publicado às 13:28

Bustos da República em exposição em Loulé

por Daniel Pina, em 28.02.15
Vai estar patente ao público, de 16 de março a 17 de abril, nos Paços do Concelho de Loulé, a Exposição de Bustos de Presidentes da República pela arte do barro, realizados pelo barrista barcelense Joaquim Esteves, mestre que se notabilizou em termos artísticos, na olaria, figurado e na caricatura. Loulé, terra de oleiros e de ideais republicanos e democráticos, junta-se assim ao Município de Barcelos e ao Museu da Assembleia da República na divulgação desta coleção.
Idealizada aquando do Centenário da República, esta exposição rememora os cem anos de Presidência, potenciando uma viagem pelo tempo de cada Presidente e respetivo contexto sociopolítico. Incluem-se nesta exposição os bustos da totalidade dos Presidentes da República, independentemente da fase do sistema político a que cada um pertenceu. Os bustos dos Presidentes que marcaram estes 100 anos de regime republicano fundem a tradição cultural (o barro) de um território, com os símbolos maiores da República - os Presidentes. Trata-se de uma exposição com grande sentido pedagógico e cultural, que educa para o conhecimento de personalidades importantes e incontornáveis da nossa História recente.
Manuel de Arriaga (1911-1915), Teófilo Braga (1915), Bernardino Machado (1915-1917 e 1925-1926), Sidónio Pais (1917-1918), Canto e Castro (1918-1919), António José de Almeida (1919-1923), e Manuel Teixeira Gomes (1919-1923), na I República (1910-1926); Mendes Cabeçadas (1926), Gomes da Costa (1926), Óscar Carmona (1926-1951), Craveiro Lopes (1951-1958) e Américo Tomás (1958-1974), na Ditadura Militar (1926-1933) e Estado Novo (1933-1974); António de Spínola (1974), Costa Gomes (1974-1976), Ramalho Eanes (1976-1986), Mário Soares (1986-1996), Jorge Sampaio (1996-2006) e Aníbal Cavaco Silva (2006-2014) são os Presidentes representados.

publicado às 09:10


Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D